Toyota Auris Hibrido

A Toyota tem vindo a reformular toda a sua gama e o Auris continua a ser um dos que, a par do Prius, a irreverência no design mais se faz sentir.

0
3
Partilhas
Toyota auris hibrido
Toyota auris hibrido. Foto: DR

Seja qual for o ângulo de que se olhe, o Toyota Auris Hibrido surge com uma personalidade vincada que transmite dinamismo mas, ao mesmo tempo, uma imagem da marca. A frente surge dominada por um capô descendente que termina no logotipo da marca e, envolto com uns para choques que transmitem robustez.

As linhas ousadas do exterior estendem-se também ao interior com a consola central onde pontuam uma pequena alavanca da caixa de velocidades (CVT – transmissão continua variável) e três mágicos botões – EV, hibrido e Power.

A qualidade de construção segue a bitola que a marca nos habituou neste segmento, com alguns apontamentos de plásticos moles e os restantes bem construídos e com uma montagem isenta de criticas. Torna-se fácil e intuitivo encontrar a melhor posição de condução e facilmente perceber em condução a vantagem de não termos o pedal da embraiagem e da prontidão com que o motor sempre reage. Em cidade são somente vantagens.

A validade do conceito hibrido tanto nos permite circular durante alguns quilómetros em modo totalmente elétrico como num modelo misto ou então utilizando a total disponibilidade do motor 1,8 com 136 cv e das baterias que impulsionam rapidamente o Toyota para arranques rápidos que geram alguma apreensão quando vistos pelos outros condutores, pois a disponibilidade de potência é imediata.

O comportamento do Auris mantém o mesmo registo do modelo anterior: previsível, assertivo e direto. O ‘casamento’ entre a traseira e a dianteira é exemplar, e somente situações excecionais geram alguns abanões, mas tal é idêntico em modelos similares.

Os consumos, fruto de toda esta panóplia tecnológica, do start-stop, do sistema hibrido, nunca passou dos 5 litros mesmo em cidade, o que denota bem a validade desta proposta.

Atualmente o Auris, fruto de uma campanha promocional e com um equipamento mais completo, onde se incluem bancos parcialmente em alcântara e toda a inclusão de sistemas tecnológicos de segurança, cruise control ativo, sistema de deteção de transposição de faixa de rodagem, sistema de colisão eminente, sistema mãos livres, entre outros, é de 26.000 euros.

Autor: Jorge Farromba

Email: jorgefarromba@gmail.com

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz