15 Maio 2022

Artigo de Opinião

343 ARTIGOS 0 COMENTÁRIOS
Isabel Neves – CHUP / Núcleo de Estudo de Doenças Respiratórias da SPMI

Asma: identificar e tratar adequadamente

A asma é uma doença caracterizada por inflamação crónica das vias aéreas e que não tem cura. A médica especialista Isabel Neves alerta, neste seu artigo, para a importância do diagnóstico, conhecimento dos sintomas e terapêuticas de controlo.
Joana Pimenta, Serviço de Medicina Interna do Centro Hospitalar Gaia/Espinho e Coordenadora do NEIC da SPMI

Insuficiência cardíaca: conhecer, prevenir e tratar melhor

Insuficiência cardíaca tem uma taxa de mortalidade superior a vários cancros. Quando se celebra o Dia Europeu da Insuficiência Cardíaca, a médica Joana Pimenta lembra, neste seu artigo, a importância de conhecer, prevenir e tratar melhor a síndrome.
Raul Marques Pereira, responsável pela Consulta de Dor da USF Lethes, em Ponte de Lima, e coordenador do Grupo de Estudo da Dor da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar

Terapêutica à base de canábis: uma nova opção para o tratamento da dor crónica

Canábis é uma nova esperança às pessoas com dor crónica, que não têm tido os resultados desejados com os tratamentos convencionais. Tratamento da dor crónica à base de canábis oferece eficácia em situações graves.
José Presa, presidente da Associação Portuguesa para o Estudo do Fígado

Correr pelo seu fígado – Dia Mundial da Atividade Física

A esteatose hepática ou fígado gordo afeta mais de um terço da população adulta em Portugal. O médico José Presa alerta, neste seu artigo, para a prevenção e tratamento da doença para não evoluir para situação grave. A prática de exercício físico é um meio.
Diogo Cruz, Médico Internista / Sociedade Portuguesa Medicina Interna

Pratiquemos atividade física! – Dia Mundial da Atividade Física

Benefícios do exercício físico são comparáveis ou melhores que algumas terapêuticas farmacológicas, indica o médico Diogo Cruz, e alerta para a baixa atividade física dos portugueses e as principais causas de mortalidade serem as doenças cérebro e cardiovasculares.
Paulo Castro Chaves, Medicina Interna. Unidade de AVC do Centro Hospitalar e Universitário São João. Professor Associado Convidado da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Acidente Vascular Cerebral: há sinais de esperança

Num Acidente Vascular Cerebral o tempo é crucial. “Tempo é cérebro!” explica Paulo Castro Chaves, médico e professor da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, neste seu artigo, onde aborda sintomas, prevenção e percurso ao tratamento.
Rins: funções e importância

Rins: funções e importância

Conhecer a função do rim, as doenças mais comuns e os seus sintomas é importante para que possamos manter a saúde do rim, é isto que Helder Esperto, médico Internista, aborda neste seu artigo, quando se assinala o Dia Mundial do Rim
Olga Gonçalves, Coordenadora Médica da Unidade de Hospitalização Domiciliária do Centro Hospitalar Gaia/Espinho e membro da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna

Igualdade de género hoje para um amanhã sustentável

É urgente não ceder à preguiça da perpetuação de um status quo em que apenas o que é próprio interessa, indica a médica Olga Gonçalves, neste seu artigo, e em coloca a mulher com a força de reposicionar valores que viabilizem um melhor futuro.
Mafalda van Zeller e Vânia Caldeira, Pneumologistas. Sociedade Portuguesa de Pneumologia - Comissão de Trabalho de Patologia Respiratória do Sono

Obesidade e Apneia do Sono

Privação de sono e a obesidade: uma relação explicada pelas pneumologistas Mafalda van Zeller e Vânia Caldeira, que neste seu artigo, abordam os riscos de uma insuficiência de sono e em consequência os riscos da obesidade em várias patologias.
João Brum Silveira, cardiologista de intervenção e coordenador do Stent Save a Life.

Como prevenir o enfarte agudo do miocárdio?

Em cada ano, mais de 12.000 portugueses sofrem um enfarte agudo do miocárdio. A prevenção é o melhor remédio. O médico João Brum Silveira esclarece, neste seu artigo, o que é um enfarte agudo do miocárdio, como preveni-lo e os melhores tratamentos.

Siga-nos nas redes sociais

DESTAQUE

MAIS LIDAS