A NÃO PERDER

Novos tipos de personalidade criados pela COVID-19

A pandemia de COVID-19 tem vindo a criar novos tipos de identidade comportamental ou de personalidade. Desde os negadores, rebeldes, invencíveis, exploradores até aos altruístas. Novas personalidades que politizam a pandemia.

Hungria autoriza vacina Sputnik V contra a COVID-19

Hungria aprova vacina Sputnik V. Dados dos ensaios clínicos indicam que a vacina russa possui eficácia em relação à COVID-19 superior a 90% e é segura, sem fortes efeitos secundários. A vacina é baseada em adenovírus tal como a da AstraZeneca.

Reino Unido aprova vacina contra a COVID-19 da Moderna

Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde do Reino Unido autoriza uso da Vacina COVID-19 da Moderna. Governo britânico já garantiu o fornecimento de 17 milhões de doses da vacina com fornecimento a começar no início de 2021.

Vacina COVID-19 da AstraZeneca/Oxford autorizada no Reino Unido

Reino Unido tem mais uma vacina COVID-19 disponível. A Agência de Medicamentos britânica autorizou o uso da vacina AstraZeneca/Oxford que começará a ser administrada no início de 2021.

UE vai receber mais 100 milhões de doses de vacina COVID-19...

União Europeia encomenda mais 100 milhões de doses adicionais de vacina COVID-19 (COMIRNATY) à Pfizer e BioNTech, elevando para 300 milhões as doses destinadas aos 27 Estados-Membros. Todas as doses devem ser entregues em 2020 e 2021.

Reino Unido com novas regras de entrada, em 2021

Acordo Reino Unido – União Europeia vai ajudar “a reprimir os criminosos e a levá-los à justiça” indicou a Ministra do Interior britânica. “Criminosos estrangeiros condenados a mais de um ano de prisão serão proibidos de entrar no Reino Unido”.

INTERNACIONAL

F Facebook TVE
OMS: hidroxicloroquina não deve ser usada para prevenir COVID-19

OMS: hidroxicloroquina não deve ser usada para prevenir COVID-19

Organização Mundial da Saúde indica que a toma do anti-inflamatório hidroxicloroquina não teve efeito significativo na morte e internamento hospitalar de doentes com COVID-19. A OMS desaconselha o uso do medicamento na prevenção da COVID-19.
Vacina Janssen COVID-19 da Johnson e Johnson autorizada nos EUA

Vacina Janssen COVID-19 da Johnson e Johnson autorizada nos EUA

FDA emite autorização de uso de emergência para vacina Janssen COVID-19 da Johnson e Johnson. A vacina é de dose única e para mais de 18 anos. A eficácia é de 85% na prevenção de COVID-19 grave / crítico depois de 28 dias após a vacinação.
Vacinas da gripe para 2021-2022

Vacinas da gripe para 2021-2022

Vacinas contra o vírus da gripe para a próxima temporada de 2021-2022 devem incluir um conjunto de vírus. A Organização Mundial da Saúde já definiu os vírus que devem estar presentes na vacina da gripe a ser administrada no hemisfério norte.
Moderna investe para aumentar produção da vacina COVID-19

Moderna investe para aumentar produção da vacina COVID-19

Biotecnológica Moderna pretende aumentar a produção de vacinas COVID-19, em 2021, para 700 milhões de doses ou mesmo mil milhões. A empresa anuncia novos investimentos para produzir 1,4 mil milhões de doses, em 2022.
Mars Perseverance Rover da NASA já pousou em Marte

Mars Perseverance Rover da NASA já pousou em Marte

Depois de 203 dias e 472 milhões de quilómetros percorridos a partir da Terra, pousou em Marte o maior e mais avançado rover da NASA, o Mars Perseverance Rover. Este é um primeiro passo para trazer para Terra amostras de Marte para análise.
OMS ativa recursos para travar surtos de ébola na Guiné e na República Democrática do Congo

OMS ativa recursos para travar surtos de ébola na Guiné e na República Democrática...

Organização Mundial da Saúde desloca para a Guiné e República Democrática do Congo técnicos de saúde, recursos financeiros e vacinas para combater os surtos de ébola detetados nos dois países. Países fronteiriços estão em alerta máxima.
Novo surto de Ébola declarado na Guiné

Novo surto de Ébola declarado na Guiné

Ébola mata três pessoas na Guiné e quatro estão hospitalizadas. Organização Mundial da Saúde mostra preocupação sobre este novo surto de Ébola e está a apoiar as autoridades de saúde local no rastreamento do vírus para conter novas infeções.
Vacina da AstraZeneca/Oxford: o que precisa de saber, a OMS responde

Vacina da AstraZeneca/Oxford: o que precisa de saber a OMS responde

Organização Mundial da Saúde responde a algumas das questões mais frequentes sobre a vacina COVID-19 da AstraZeneca/Oxford. Quais os destinatários? É segura? É eficaz? Como funciona com as novas variantes? Ou, para quem não é indicada?
Vacina da AstraZeneca tem de ser testada para variante da África do Sul

Vacina da AstraZeneca tem de ser testada para variante da África do Sul

A Organização Mundial da Saúde indica que é preciso determinar a eficácia da vacina da AstraZeneca para a variante da África do Sul, e que devem ser feitos estudos sobre a eficácia da combinação de vacinas para aumentar a resposta imunológica.

Siga-nos nas redes sociais

DESTAQUE

MAIS LIDAS

MAIS DESTAQUES

RELACIONADOS