Portugal vence prémios Europa Nostra 2016

A reabilitação da Catedral e Museu Diocesano de Santarém e o projeto de Desenvolvimento Sustentável do Planalto da Mourela no Parque Nacional da Peneda-Gerês encontram-se entre os 28 vencedores de 16 países com o prémio Europa Nostra 2016.

0
6
Partilhas
Catedral de Santarém
Foto de João Nunes da Silva

Os Prémios da União Europeia para o Património Cultural – Prémios Europa Nostra, são os mais importantes prémios europeus no domínio do património. Os prémios distinguem os projetos pelos elevados padrões de contributos nas áreas da Conservação, Investigação, Serviço Dedicado ao Património, e Educação, Formação e Sensibilização.

Parque Nacional da Peneda-Gerês
Parque Nacional da Peneda-Gerês, Foto de ADERE-Peneda Gerês, 2010

“Todas estas iniciativas premiadas provam a importância do património para a Europa e seus cidadãos. O património cultural promove o desenvolvimento económico sustentável e é uma força de coesão nas nossas sociedades multiculturais”, referiu o Maestro Plácido Domingo, Presidente de Europa Nostra.

Para Tibor Navracsics, Comissário Europeu para a Educação, Cultura, Juventude e Desporto, os prémios são “um instrumento de sensibilização para a importância do património cultural enquanto recurso estratégico para a sociedade e para a economia da Europa”.

Através do empenho e talento das equipas envolvidas nos projetos “inúmeros tesouros do património cultural europeu foram salvaguardados e recuperados para usufruto das gerações presentes e futuras”. O Património Cultural “gera crescimento económico e promove o desenvolvimento sustentável, a participação social e a inclusão”.

Os Júris analisaram um total de 187 candidaturas, apresentadas por organizações e indivíduos de 36 países de toda a Europa e selecionaram os 28 projetos vencedores. Agora está em votação pública, via on-line, a seleção para o Prémio do Público. Todos os cidadãos podem votar num dos projetos do seu país ou de outro país.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz