Concertos gratuitos no Palácio Nacional da Ajuda em julho

Palácio Nacional da Ajuda acolhe Xavier College Choir and String Orchestra, da Austrália, para um concerto no dia 4 de julho, às 16h00, e a Sudbury Youth Orchestra, do Canadá, no 9 de julho, às 16h00. Os concertos são gratuitos e integram o Lisbon Music Fest.

0
Concertos gratuitos no Palácio Nacional da Ajuda em Julho.
Concertos gratuitos no Palácio Nacional da Ajuda em Julho. Foto: © Rosa Pinto

No dia 4 de julho, às 16h00, a Xavier College Choir and String Orchestra, da Austrália, com a direção de coro de Nicholas Cowall e da orquestra de Andrew Schellhorn, num concerto no Palácio Nacional da Ajuda.

O Xavier College foi fundado em 1878 pela Sociedade de Jesus – os Jesuítas. A escola é uma das mais conceituadas da Austrália, com um modelo de educação “jesuíta” que encoraja o indivíduo a desenvolver os seus talentos e a promover “a reflexão para que o coração, a mente, o corpo e o espírito da pessoa se possam envolver plenamente para servir um mundo melhor”.

O colégio está situado em Melbourne e conta já com mais de 140 anos “de criação e produção musical de qualidade”, com “um currículo musical estimulante e diversificado”. Atualmente o Xavier College conta com cerca de mil alunos a aprender música, e com mais de cinquenta ensembles, orquestras, bandas e coros, o que leva a variados géneros musicais.

O grupo Xavier College String Orchestra and Choir, que atua no Palácio da Ajuda, é composto por alunos do ensino secundário, com idades compreendidas entre os 14 e os 18 anos, e o reportório abrange uma vasta gama de géneros e estilos musicais, com destaque para as “apresentações recentes que incluíram: Messiah de Händel; Missa brevis de Mozart; Requiem de G. Fauré; Gloria de Vivaldi; Babi Yar Yar Symphony de Shostakovich; Songs of the Sea de C. Stanford; St. Paul’s Suite de G. Holst; Holberg Suite e Peer Gynt de Grieg”.

No dia 9 de julho, às 16h00, a Sudbury Youth Orchestra, do Canadá, sob a direção de Jamie Arrowsmith, leva também música ao Palácio Nacional da Ajuda.

A Sudbury Youth Orchestra foi criada em 1972, trata-se de uma organização sem fins lucrativos que promove o ensino de música de elevada qualidade e proporciona oportunidades performativas para jovens músicos de toda a região de Sudbury, na província de Ontário, Canadá. Os jovens músicos têm entre os 10 e 20 anos, e são dirigidos por Jamie Arrowsmith.

A Orquestra de Sudbury foi laureada com diversos prémios e distinções em festivais de música, nacionais e internacionais, sendo amplamente reconhecida pela elevada qualidade e desempenho. De entre as participações em festivais destaca-se o Banff Festival of Youth Orchestras, no Canadá e o Quebec Festival of Youth Orchestras, em Shawinigan.

A Sudbury Youth Orchestra tem vindo a promover a divulgação de compositores contemporâneos, e já apresentou várias obras em estreia mundial. Realizou digressões por toda a província de Ontário, com Sudbury, Barrie, Toronto e Niagara Falls. Em festivais internacionais, esteve presente no Festival Internacional de Música de Salzburgo, na Áustria, 2004, no Aberdeen International Youth Festival, na Escócia, 2005 e no Cantus MM Music and Culture Festival de Salzburgo de 2010.

Para além dos festivais a Sudbury Youth Orchestra tem atuado em prestigiadas salas de concerto de diversos países, como Islândia, Inglaterra, Alemanha, República Checa, Itália e Grécia.

Os concertos fazem parte do Lisbon Music Fest, numa parceria com o Palácio da Ajuda. O Lisbon Music Fest decorre de 24 de junho e 27 de julho de 2019 em algumas das principais salas, auditórios e espaços ao ar livre das cidades de Lisboa, Batalha, Évora, Peniche e Belmonte.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!