Dia Mundial da Língua Portuguesa, a 5 de maio, assinalado pela CML

Câmara Municipal de Lisboa assinala Dia Mundial da Língua Portuguesa, a 5 de maio, com sessão e transmitida online, e onde participam 11 autores de 8 países, com debates e curtas-metragens.

1
Dia Mundial da Língua Portuguesa a 5 de maio assinalado pela CML
Dia Mundial da Língua Portuguesa a 5 de maio assinalado pela CML. Foto: © Rosa Pinto

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) assinala o primeiro Dia Mundial da Língua Portuguesa, com uma programação digital inserida no novo Festival Internacional de Lisboa 5L (5L de “Língua, Livros, Literatura, Leituras e Livrarias”), dedicada à Língua e à Literatura em Língua Portuguesa, onde participam 11 autores de 8 países.

A abertura oficial da celebração do Dia Mundial da Língua Portuguesa é às 15h30, e conta com a intervenção do presidente da CML, Fernando Medina, do representante permanente de Portugal junto da UNESCO, Sampaio da Nóvoa, e do diretor artístico do Festival 5L, José Pinho.

O Festival 5L é uma iniciativa da CML destinada a promover a língua, a literatura, os livros, as livrarias e a leitura em Lisboa, que deve acontecer em diferentes espaços da cidade, com todas as letras e de todas as formas. A CML indicou que “este ano e em tempo de pandemia, o 5L irá apenas celebrar o Dia Mundial da Língua Portuguesa, devendo a primeira edição do festival decorrer entre 5 e 9 de maio de 2021”.

A programação do 5L, no próximo dia 5 de maio, vai ser transmitida online através do site lisboa5l.pt, do Facebook da CML e do Facebook da Rede de Bibliotecas de Lisboa, é a seguinte:

15h30: Sessão inaugural

Presidente da CML, Fernando Medina

Representante Permanente de Portugal junto da UNESCO, Sampaio da Nóvoa

Diretor Artístico do Festival Internacional Literário de Lisboa 5L, José Pinho

15h55: Curta-metragem

“A Língua Portuguesa a Gostar dela Própria”, Tiago Pereira

16h00: Debate

“Viagens da Língua Portuguesa”, moderação: Isabel Lucas (Portugal)

Autores:

Ana Margarida de Carvalho, Portugal

António Prata, Brasil

Flaviano Mindela dos Santos, Guiné-Bissau

Germano de Almeida, Cabo Verde

José Eduardo Agualusa, Angola

Olinda Beja, São Tomé e Príncipe

17h30: Debate

“Literatura de Reconstrução”, moderação: Afonso Borges (Brasil)

Autores:

Dulce Maria Cardoso, Portugal

Isabela Figueiredo, Portugal

Ondjaki, Angola

Luís Cardoso Noronha, Timor-Leste

Mbate Pedro, Moçambique

18h45: Curta-metragem

“Vozes do Português”, Tiago Pereira

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

1 Comentário

“Dia mundial da língua galega no seu dialeto português”, assim é que é o correto, segundo Alexandre Herculano e, a grande maioria dos historiadores, a… Ler mais »