Dia Mundial da Psoríase a 29 de outubro com exigência de mais informação

Psoríase é uma doença crónica da pele não contagiosa. Um em cada dez portugueses ainda considera ser um problema contagioso, indica estudo baseado num inquérito cujos resultados foram recentemente divulgados.

0
Dia Mundial da Psoríase a 29 de outubro com exigência de mais informação
Dia Mundial da Psoríase a 29 de outubro com exigência de mais informação. Foto: DR

A psoríase é uma doença crónica da pele, não contagiosa, que pode surgir em qualquer idade. A doença afeta cerca de 250 mil pessoas em Portugal, e caracteriza-se geralmente pelo aparecimento de lesões vermelhas, espessas e descamativas, habitualmente nos cotovelos, joelhos, região lombar e couro cabeludo. Nos casos mais graves, a psoríase pode apresentar lesões a cobrir extensas áreas do corpo.

A maioria dos portugueses já ouviu falar em psoríase, mas há ainda mitos associados à doença que importa desmistificar, revela um estudo sobre o conhecimento que os portugueses têm da doença. Os mais de 400 questionários realizados revelam que 72% dos inquiridos conhece ou já ouviu falar sobre a psoríase, ainda que mais de um em cada dez continue a acreditar que esta se trata de um problema contagioso.

O estudo ‘My Dear Diary’ ou ‘A minha vida com Psoríase’ recolheu, ao longo de 28 dias, referências de doentes sobre a doença. Este estudo mostrou que 58% do total dos participantes, ou seja 280, apresentaram referências negativas à doença, e aos quais se juntam mais 36% que dão conta dos “olhares de terceiros” associados à psoríase.

Outros resultados do estudo mostram que prevalece o otimismo entre os doentes, com 50% a revelarem uma atitude “construtiva/positiva” face à doença, mas 30% das pessoas com psoríase apresenta uma atitude “instável” perante o problema, mais negativa do que positiva, e 20% a revelam-se “conformados”.

No âmbito do Dia Mundial da Psoríase, a PSO Portugal – Associação Portuguesa de Psoríase juntou-se à Spirituc Investigação Aplicada e à Guess What, no dia 26 de outubro, no Anfiteatro da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, onde diversos especialistas debateram o tema, tendo sido indicado que 86% dos participantes do estudo indicou saber que a Psoríase é uma doença que não tem cura, e que 2% a acreditar que se trata de uma condição de saúde potencialmente mortal.

As organizações ligadas à doença consideram ser necessário continuar a informar e a desmistificar a doença junto da população e em especial junto de quem lida com a doença direta ou indiretamente.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!