Dívida Pública de Portugal é a terceira mais elevada da União Europeia

No final do segundo trimestre de 2017 a dívida pública de Portugal era já de 132,1% do PIB, a terceira mais alta de toda a União Europeia, e muito longe da média europeia que é de 83,4%. Vinte países diminuíram a dívida e Portugal é o segundo que mais aumentou.

0
2
Partilhas
Dívida pública
Dívida pública. Foto: Rosa Pinto

No final do segundo trimestre de 2017, o rácio da dívida pública em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) na zona do euro (EA19) situou-se em 89,1%, em comparação com 89,2% no final do primeiro trimestre de 2017, indicou o Eurostat. Na União Europeia a 28 (UE28), a proporção também diminuiu, de 83,6% para 83,4%. Em comparação com o segundo trimestre de 2016, a dívida pública caiu tanto na zona do euro, de 90,8% para 89,1% como na UE28, de 83,8% para 83,4%.

Dívida pública no final do segundo trimestre de 2017 por Estado-Membro

Os índices mais altos de dívida pública no final do segundo trimestre de 2017 registaram-se na Grécia com 175,0%, na Itália com 134,7% e logo a seguir em Portugal com 132,1%, e os mais baixos foram registados na Estônia com 8,9%, no Luxemburgo com 23,4% e Bulgária com 27,7%.

Dívida pública em relação ao PIB, no final do segundo semestre de 2017
Dívida pública em relação ao PIB, no final do segundo semestre de 2017. Gráfico: Eurostat

Em comparação com o primeiro trimestre de 2017, sete Estados-Membros registaram um aumento da dívida e vinte diminuíram, o Reino Unido manteve a divida estável. Os maiores aumentos no índice foram registrados na Lituânia, com mais 2,6 pontos percentuais, em Portugal o aumento foi de 1,7, Itália e Letónia, ambos com mais 0,7 e França com mais 0,5. As maiores reduções foram registradas na Croácia com menos 4,5 pp, na Eslováquia com menos 1,6, em Malta com menos 1,4 pp, na Bélgica e na Grécia, ambos com menos 1,1.

Variações da dívida pública entre o segundo e o primeiro trimestre de 2017
Variações da dívida pública entre o segundo e o primeiro trimestre de 2017. Gráfico: Eurostat

Em comparação com o segundo trimestre de 2016, nove Estados-Membros registaram um aumento de dívida no final do segundo trimestre de 2017 e dezanove uma diminuição. Os maiores aumentos em proporção foram registados na Lituânia com mais 1,8, no Luxemburgo com mais 1,4 e na França com mais 1,3, enquanto as maiores diminuições foram registradas na Grécia com menos 4,7, na Holanda com menos 4,5, na Alemanha com menos 3,9, em Malta com menos 3,8 e na Áustria com menos 3,5.

Variação da dívida pública entre o primeiro semestre de 2017 em comparação com o primeiro semestre de 2016
Variação da dívida pública entre o primeiro semestre de 2017 em comparação com o primeiro semestre de 2016. Gráfico: Eurostat

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz