Empresas recrutam para 500 vagas de trabalho na ‘Start Point’

Bosch, Accenture, Sonae, Jerónimo Martins e Continental Mabor, que incluem grupo de 70 entidades, disponibilizam, nos dias 15 e 16 de novembro, na ‘Start Point’, Feira de Emprego e Empreendedorismo, em Braga, cerca de 500 empregos e estágios.

0
1
Partilhas
Universidade do Minho, em Braga
Universidade do Minho, em Braga. Foto: DR

Cerca de 500 empregos e estágios são propostas que chegam de 70 entidades, como a Bosch, Accenture, Sonae, Jerónimo Martins e Continental Mabor, e que irão estar disponíveis durante a iniciativa ‘Start Point’, Feira de Emprego e Empreendedorismo, que se realiza em Braga.

A ‘Start Point’ é organizada pela Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM), através dos gabinetes do Empreendedor e de Inserção Profissional, e em parceria com a Reitoria da Universidade, e decorre nos dias 15 e 16 das 9h30 às 18h00 no Complexo Pedagógico II do campus de Gualtar.

A iniciativa da AAUM tem como “objetivo principal propiciar o contato de jovens e adultos com o mercado, através de oportunidades profissionais, do desenvolvimento de competências e do networking dos participantes.”

O programa da ‘Start Point’ inclui “mais de duas dezenas de formações, workshops e talks”, de entre as diversas formações “será possível aprender a construir um currículo vitae de sucesso ou como conseguir um emprego em 30 dias.”

A Feira de Emprego e Empreendedorismo “tem previstos espaços de aceleração de startups e sessões sobre o processo de constituição de empresas, alguns sistemas de apoio a ideias de negócio, o futuro do trabalho e a bolsa de emprego da Universidade do Minho (UMinho)”, esta última “será apresentada na quinta-feira, às 17h00.”

A oitava edição da ‘Start Point’ possui um formato diferente das edições anteriores dado que “foi implementado pela primeira vez um dia de preparação que permite aos participantes usufruírem na terça-feira de múltiplas ações relacionadas com empregabilidade e empreendedorismo, de forma a estarem mais bem preparados para contactarem com as entidades presentes”, afirmou Bruno Alcaide, presidente da AAUM, citado em comunicado da Associação.

A AAUM indicou que ‘Start Point’ tem como público-alvo os estudantes, ex-estudantes, investigadores e professores, bem como os recém-diplomados e empreendedores”. Para facilidade de mobilidade a AAUM vai disponibilizar transporte para a comunidade académica entre os campi de Braga e Guimarães.

A sessão de abertura da ‘Start Point’ irá decorrer às 10h00, do dia 15 de novembro, e conta com intervenções previstas de António M. Cunha, Reitor da UMinho, de Ricardo Rio, Presidente da Câmara Municipal de Braga, de Carlos Menezes, Diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Braga, e de Bruno Alcaide, Presidente da AAUM.

A iniciativa é cofinanciada pelo Programa Operacional Regional do Norte, pelo Portugal 2020 e pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Cartaz da 'Start Point'
Cartaz da ‘Start Point’

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz