Encontro de Cantares ao Menino, em Penamacor, reuniu grupos de várias regiões do país

No Convento de Santo António, em Penamacor, decorreu a segunda edição do Encontro de Cantares ao Menino. O encontro reuniu vários grupos vindos de várias locais do país.

0
Encontro de Cantares ao Menino, em Penamacor, reuniu grupos de várias regiões do país
Encontro de Cantares ao Menino, em Penamacor, reuniu grupos de várias regiões do país. Foto: DR

O segundo Encontro de Cantares ao Menino reuniu em Penamacor, no dia 15 de dezembro, grupos vindos de várias localidades do país. O encontro, que decorreu no Convento de Santo António, é uma iniciativa inserida no Penamacor Vila Madeiro.

A população pode assistir à atuação de grupos vindos de diversas regiões do país: Rancho Folclórico “As Mondadeiras de Casa Branca” de Sousel, em representação do Alto Alentejo; os Cavaquinhos da Rebordosa, da Beira Litoral Serrana; o Rancho Típico de Vila Nova, também da Beira Litoral, e o anfitrião Grupo Modas Antigas, em representação de Penamacor e de toda a Beira-Baixa.

Os Cantares ao Menino, ou também designados por Cantares do Ciclo Natalício, “são quadros do ponto de vista etnomusicológico pouco estudados”. No entanto, “sabe-se que para as comunidades do século XX eram importantes, pois era através dos cânticos que expressavam a sua devoção à religião cristã.”

O Ciclo Natalício inicia-se com a recolha do Madeiro e termina em janeiro, e os cânticos estão associados a quatro momentos distintos: “a recolha do Madeiro; o acender do mesmo e a Missa do Galo, com os cânticos ao Menino Jesus; o Dia de Reis, com os Cantares dos Reis; e o Cântico das Janeiras, durante todo o mês de janeiro, onde os grupos de pessoas pediam aquilo que as famílias podiam dar.”

Os ranchos folclóricos têm tido a responsabilidade da recolha e preservação dos cânticos deste quadro, bem como a sua divulgação, “para que não se esqueça ou se perca a memória de um povo.”

A iniciativa é organizada pela Associação Cultural Resumo Fonético, tem no seu seio o Grupo de Recolhas Tradicionais Modas Antigas, em colaboração com a Câmara Municipal e a Santa Casa da Misericórdia local. Uma iniciativa que pretende ser uma representação digna de Cantares ao Menino.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!