Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha

Mergulhadores da Marinha inativaram esta tarde em Esmoriz um engenho ‘Marine Marker’ encontrado na praia do Cantinho. A operação levou à intervenção de equipa de Inativação de Engenhos Explosivos e da Policia Marítima, e apoio dos Bombeiros de Esmoriz.

0
Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha
Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha. Foto: Marinha

Depois ter sido dado o alerta de ter sido encontrado um engenho na praia do Cantinho, Esmoriz, uma equipa de Inativação de Engenhos Explosivos do Destacamento de Mergulhadores Sapadores n.º1 da Marinha procedeu à identificação e à neutralização do “Marine Marker” – engenho fumígeno utilizado em ambiente marítimo para sinalização de posições.

Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha
Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha. Foto: Marinha

A Policia Marítima, em conformidade com as normas de segurança estabelecidas, procedeu à evacuação da praia e identificação do engenho, e efetuou o acompanhamento do transporte para local seguro onde foi realizada a respetiva inativação.

Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha
Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha. Foto: Marinha

A operação, que foi coordenada pelo Capitão do Porto do Douro, que foi dada por terminada após a detonação do engenho realizada pelos Mergulhadores da Marinha. Durante toda a operação, estiveram presentes em apoio os Bombeiros de Esmoriz.

Os “Marine Marker” são encontrado com alguma frequência na costa portuguesa, devido à confluência de diversas rotas marítimas e aéreas, e requerem precauções no seu manuseamento.

Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha
Engenho descoberto na praia de Esmoriz inativado pela Marinha. Foto: Marinha

Os engenhos podem aparentar um estado estável e seguro mas podem encontrar-se acionados e totalmente funcionais contendo ainda parte da sua carga. A Marinha alerta que estes engenhos não devem ser manuseados e/ou removidos devendo informar-se de imediato as autoridades locais ou utilizar para o efeito o número nacional de emergência 112.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!