Estado de Emergência: GNR e PSP detêm 70 pessoas e encerraram 1.546 estabelecimentos

Detidas 70 pessoas por crime de desobediência, designadamente por violação da obrigação de confinamento obrigatório e por outras situações de desobediência ou resistência, e encerrados 1.546 estabelecimentos por incumprimento das normas do Estado de Emergência.

0
Estado de Emergência: GNR e PSP detêm 70 pessoas e encerraram 1.546 estabelecimentos
Estado de Emergência: GNR e PSP detêm 70 pessoas e encerraram 1.546 estabelecimentos. Foto: © Rosa Pinto

A Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP) têm vindo a desenvolver uma intensa atividade de sensibilização, vigilância e fiscalização junto da população, no cumprimento das medidas do Estado de Emergência, que vigora, em todo o país, desde ‪as 00h00 do dia 22 de março, devido à pandemia de COVID-19.

Assim, até ‪às 18h00 de hoje, 29 de março, as Forças de Segurança detiveram 70 pessoas por crime de desobediência, designadamente por violação da obrigação de confinamento obrigatório e por outras situações de desobediência ou resistência.

No mesmo período, foram encerrados 1.546 estabelecimentos por incumprimento das normas estabelecidas.

O Ministério da Administração Interna (MAI) indicou que nos números divulgados não se referem a operações de fiscalização rodoviária, ou outras, realizadas ao longo do fim-de-semana.

O MAI insiste que perante a imperiosa necessidade de todos contribuírem para conter o contágio da COVID-19, é fundamental o cumprimento rigoroso das medidas impostas pelo Estado de Emergência.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!