Festival Internacional de Música do Algarve promove acesso à música erudita

Quatorze concertos por toda a região do Algarve constituem uma grande embaixada da música erudita, propiciada pelo 34º Festival Internacional de Música do Algarve, de 31 de março a 31 de maio.

0
Festival Internacional de Música do Algarve promove acesso à música erudita
Festival Internacional de Música do Algarve promove acesso à música erudita. Foto: DR

O Festival Internacional de Música do Algarve (FIMA) que vai na trigésima quarta edição retoma a missão de promover o acesso à música erudita. A partir de 31 de março e até 31 de maio o FIMA será anfitrião de 14 concertos, por toda a região do Algarve. Entre os convidados estão músicos e agrupamentos como o celebrado Jordi Savall & Hespèrion XXI, o percussionista Jean-François Lézé e a Orquestra do Norte com o maestro Jan Wierzba e o violoncelista Marco Pereira.

À Orquestra Clássica do Sul, o único agrupamento profissional a sul do Tejo, vão-se ainda juntar artistas de renome internacional como o maestro Maxime Tortelier, os violinistas Daniel Satabrawa e Christoph Koncz, o violetista Máté Szücs, o violoncelista Jed Barahal, a soprano Dora Rodrigues e também agrupamentos como o Grupo Vocal Olisipo e o P.L.I.N.T. – Pablo Lapisusas International Trio.

Programa

31 de março de 2019, em Loulé, Cineteatro Louletano, às 17h00, Concerto de Abertura: “Grandes Períodos da História da Música – O Romantismo”, Solista Jed Barahal (EUA) e Maestro Maxime Tortelier (França).

04 de abril de 2019, em Lagos, Centro Cultural de Lagos, às 21h00, Grandes Períodos da História da Música – O Classicismo, Maestro e Solista Christoph Koncz (Aústria).

06 de abril de 2019, em São Brás de Alportel, Cineteatro São Brás, às 21h00, Multipercussões com Jean-François Lézé (França/Portugal).

12 de abril de 2019, em Faro, Conservatório Regional do Algarve, às 21h00, O meu Algarve – música de inspiração nacional, Orquestra Clássica do Sul, Maestro: Rui Pinheiro e a Soprano: Dora Rodrigues.

18 de abril de 2019, em Silves, Teatro Mascarenhas Gregório, às 21h00, Serenatas e Sinfonias de Câmara, Orquestra Clássica do Sul (Agrupamento de Música de Câmara), Comentador: Maestro José Eduardo Gomes.

21 de abril de 2019, em Tavira, Igreja do Carmo, às 21h00, Grandes períodos da história da música – o Barroco, Grupo Vocal Olisipo, Orquestra Clássica do Sul, Maestro e solista: Rui Pinheiro (cravo).

26 de abril de 2019, Portimão, TEMPO – Teatro Municipal de Portimão, às 21h00, Jordi Savall & Hespèrion XXI, Violas da Gamba: Jordi Savall (Espanha), Harpa Irlandesa e Saltério: Andrew Lawrence–King (Reino Unido), Bodhran: Frank McGuire (Reino Unido).

27 de abril de 2019, Faro,| Auditório da Biblioteca Municipal de Faro, às 21h00, Mendelssohn e Haydn, Orquestra Clássica do Sul (Agrupamento de Música de Câmara), Comentador: Maestro José Eduardo Gomes.

04 de maio de 2019, Lagoa, Auditório Municipal de Lagoa, às 21h00, P.L.I.N.T. – Pablo Lapidusas International Trio, Orquestra Clássica do Sul, Maestro: José Eduardo Gomes, Piano: Pablo Lapidusas (Argentina), Baixo: Leo Espinosa (Cuba), Bateria: Marcelo Araújo.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!