Jonathan Coe e Pedro Mexia com o Brexit entre realidade e ficção

A Quatro Mãos 2019, uma iniciativa da Academia Portuguesa de Cinema que decorre entre 22 e 24 de novembro, no Centro Cultural de Cascais. No dia 22 de novembro, às 16h00, o debate com Jonathan Coe e Pedro Mexia e o Brexit na fronteira entre realidade e ficção.

0
Jonathan Coe e Pedro Mexia com o Brexit entre realidade e ficção
Jonathan Coe e Pedro Mexia com o Brexit entre realidade e ficção. Foto: DR

Words are tricky little bastards”, a citação é de Jonathan Coe, escritor inglês, autor do romance “O Coração de Inglaterra” sobre o Brexit e que é já um sucesso internacional. O romance é lançado este mês em Portugal e vai dar o mote para o debate que irá liderar e que terá lugar no “A Quatro Mãos – Encontros de Escrita para Cinema e Audiovisual“.

O debate está agendado para o dia 22, pelas 16h00, e conta com moderação do poeta, cronista e crítico literário Pedro Mexia.

Os autores vão refletir sobre os limites do humor e a sua influência durante os momentos críticos que o mundo atravessa. Importa lembrar que o trabalho do inglês denota sempre uma grande preocupação com os problemas políticos, normalmente através da sátira, como é o caso de “What a Carve Up!” que utiliza alguns elementos do governo de Margaret Thatcher em 1980. Algumas das suas obras foram adaptadas para cinema ou televisão e, em 2004, foi nomeado Cavaleiro da Ordem das Artes e das Letras em França.

Convidados internacionais no “A Quatro Mãos”

O projeto “A Quatro Mãos – Encontro de Escrita para Cinema e Audiovisual” vai reunir, durante três dias, reconhecidos criadores nacionais e internacionais ligados ao cinema, televisão e novas plataformas, num programa intensivo de masterclasses, workshops e debates em torno da escrita audiovisual.

Entre os nomes já confirmados destacam-se, entre outros, Arash T. Riahi, guionista e realizador iraniano, cuja carreira acumula mais de 70 prémios internacionais e Doc Comparato, prestigiado dramaturgo, guionista e escritor brasileiro que fundou a Casa de Criação da Rede Globo.

“A Quatro Mãos” vai contar também com a presença do guionista Pedro Rivero, de Espanha, autor do projeto El Hoyo que foi premiado na Midnight Madness do festival TIFF e em Sitges, Eligio R Montero, guionista de séries, filmes, e também do filme de animação “Buñuel en el Laberinto de las Tortugas” e do prolífico produtor galego Xosé Zapata.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!