Marco Pereira, em CanAm, vence na Baja Portalegre 500

Equipa Marco Pereira e Eurico Adão, em CanAm vence na Baja Portalegre 500 e a equipa Vitor Santos e Gregorio Pereira chega ao segundo lugar. João Monteiro conquistou o lugar de campeão nacional em SSV.

0
Marco Pereira, em CanAm, vence na Baja Portalegre 500
Marco Pereira, em CanAm, vence na Baja Portalegre 500. Foto: DR

A equipa de Marco Pereira e Eurico Adão, em CanAm, estreou-se a vencer na Baja Portalegre 500, e em segundo lugar terminou Vitor Santos com o navegador Gregorio Pereira, também em CanAm Maverick X3. O terceiro lugar do pódio conquistado por uma dupla de copilotos Dirk von Zitzewitz aos comandos de um CanAm Maverick X3 e que foi navegado por Andrea Mayer Peterhansel.

João Monteiro, que aos comandos de um Can Maverick alcançou o quinto posto absoluto da Baja Portalegre 500, sagrou-se Campeão Nacional da categoria SSV, quando ainda falta disputar a derradeira prova desta temporada de 2018, o Raide TT a Góis. Este é o terceiro título para a família Monteiro, depois do pai, Jorge Monteiro, ter sido campeão em 2010 e 2014.

De referir que Baja Portalegre 500 o 4º lugar foi para Pedro Santinho Mendes, a 6ª posição para o belga Sebastien Guyette, que foi o 1º de entre os Polaris, o 7º lugar foi para Marco Silva que ascendeu ao 2º lugar no Campeonato e o 8º lugar foi para Nuno Fontes que cumpre a sua primeira temporada nos SSV e foi o mais rápido da Classe Promoção. Arnaldo Monteiro, em Yamaha, venceu a Classe TT2 enquanto Vitor Santos triunfou entre os veteranos.

Nas competições monomarca, Vitor Santos venceu o Troféu CanAm, Arnaldo Martins a Classe Open do Desafio Yamaha que teve em José Manescas o vencedor da Classe Stock. No Troféu Polaris RZR Sérgio Bandeira venceu entre os pilotos com motor Turbo enquanto Jorge Carpinteiro triunfou no de motor atmosférico.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!