Marinha portuguesa realiza trabalhos científicos em Cabo Verde

Navio hidrográfico da Marinha portuguesa, o ‘D. Carlos I’, está em Cabo Verde para realizar, na região, trabalhos de recolha de informação do fundo do mar. A bordo encontra-se uma equipa do Instituto Hidrográfico.

0
1
Partilhas
Navio Hidrográfico da Armada 'D. Carlos I'
Navio Hidrográfico da Armada 'D. Carlos I'. Foto: © Marinha

O Navio hidrográfico da Armada ‘D. Carlos I’, com uma equipa do Instituto Hidrográfico encontra-se, está atracado no porto do Mindelo, em Cabo Verde para realizar trabalhos de recolha de informação do fundo do mar naquela região.

De acordo com a Marinha os trabalhos de recolha de informação “vão agora ser realizados no Porto Novo, e permitirão a Cabo Verde atualizar a sua cartografia náutica e assim incrementar a informação de segurança marítima para disponibilizar aos navios e embarcações que navegam na região e visitam os seus portos comerciais.”

Navio Hidrográfico da Armada 'D. Carlos I', em Cabo Verde
Navio Hidrográfico da Armada ‘D. Carlos I’, em Cabo Verde. Foto: © Marinha

Antes de atracar no Mindelo, o NRP ‘D. Carlos I’ já realizou trabalhos para a recolha de informação do fundo do mar nas ilhas da Boavista e do Sal, especificamente nos portos de Sal-Rei e da Baía da Palmeira, indicou a Marinha.

Nesta sua missão em Cabo Verde o ‘D. Carlos I’ vai ainda, “com recurso à tecnologia de ponta multifeixe instalada a bordo, realizar o levantamento hidrográfico do canal de São Vicente e de um banco a noroeste da ilha de Santo Antão, que permitirá obter informação com cobertura total do fundo.”

Para além dos trabalhos de recolha de informação, a guarnição do navio vai estar “envolvida em ações de cooperação com os militares da Guarda Costeira de Cabo Verde, em especial no âmbito da partilha de informação nas áreas da emergência médica e suporte básico de vida e áreas técnicas da manutenção e operação de máquinas marítimas.”

Recolha de informação do fundo do mar, em Cabo Verde, pelo Navio 'D. Carlos I'
Recolha de informação do fundo do mar, em Cabo Verde, pelo Navio ‘D. Carlos I’. © Marinha

No final da execução dos trabalhos de natureza científica, em curso, o navio irá atracar no porto da Praia, a 28 de novembro, onde os militares irão “participar num seminário sobre segurança marítima, o qual contará com a presença de responsáveis militares e políticos da área da defesa de Portugal e Cabo Verde.”

Nesta missão a Cabo Verde, “os trabalhos de natureza científica, e as atividades paralelas realizadas pela Marinha, inserem-se no conjunto de ações de cooperação técnico-militar entre Portugal e Cabo Verde, no âmbito da iniciativa Mar Aberto 17 e que decorre sob égide da Direcção-Geral de Política de Defesa Nacional.”

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz