Mário Centeno assume Presidência do Eurogrupo

Mário Centeno assumiu, hoje, o cargo de Presidente do Eurogrupo, substituindo Jeroen Dijsselbloem. Agora “temos a oportunidade única de aprofundar a união monetária”, afirmou o novo presidente.

0
Mário Centeno, à esquerda, Jeroen Dijsselbloem, à direita, na transmissão do cargo de Presidente do Eurogrupo
Mário Centeno, à esquerda, Jeroen Dijsselbloem, à direita, na transmissão do cargo de Presidente do Eurogrupo. Foto: UE

Assumiu hoje o cargo de Presidente do Eurogrupo o Ministro das Finanças português. Mário Centeno substitui Jeroen Dijsselbloem, que exercia o cargo desde 2013. Mário Centeno foi eleito pelos ministros das finanças da área do euro para presidir ao Eurogrupo, em 4 de dezembro de 2017, por um período de dois anos e meio.

Na passagem do cargo Jeroen Dijsselbloem referiu: “A zona do euro está em muito melhor forma do que em 2013. Temos crescimento económico em todos os países, e estamos com uma base mais sólida. Foram tomadas medidas decisivas para fortalecer a união monetária, em particular a união bancária”, e acrescentou: “Gostaria de desejar a Mário Centeno o melhor no seu novo papel de Presidente do Eurogrupo”.

Por sua vez Mário Centeno referiu: “Estou altamente motivado a assumir o comando do Eurogrupo. Temos uma oportunidade única de aprofundar a união monetária, tornando a nossa moeda comum mais resiliente contra futuras crises futuras. Nossa responsabilidade é atender às expectativas dos nossos cidadãos”, e acrescentou: “Gostaria também de agradecer a Jeroen Dijsselbloem pela sua liderança no Eurogrupo, num período em que a área do euro foi posta à prova”.

Mário Centeno vai presidir pela primeira vez à reunião do Eurogrupo em 22 de janeiro de 2018, em Bruxelas.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!