Matosinhos Independente pronto para se apresentar a eleições autárquicas

Joaquim Jorge, líder do Movimento Matosinhos Independente, candidato a presidente da autarquia de Matosinhos disse estar pronto para apresentar dossier de candidatura às próximas eleições autárquicas.

0
Matosinhos independente pronto para se apresentar a eleições autárquicas
Matosinhos independente pronto para se apresentar a eleições autárquicas. Foto: DR

Para além das dificuldades impostas pelas leis a todos os cidadãos que pretendam exercer a cidadania e candidatar-se como independentes aos órgãos do poder local em eleições autárquicas, no último ano e meio a pandemia veio dificultar ainda mais esse esforço. A cerca de três meses das autárquicas, Joaquim Jorge, líder do Movimento Matosinhos Independente, disse que “a primeira batalha já foi ganha” ao ter conseguido preparar o dossier para a candidatura.

O Movimento Matosinhos Independente encabeçado pelo biólogo, Joaquim Jorge, e apoiado por alargado grupo de cidadãos eleitores do concelho de Matosinhos, já encerrou a sua lista de candidatos a apresentar às próximas eleições autárquicas bem como estão nomeados os mandatários da candidatura.

O Matosinhos Independente divulgou que Joaquim Jorge é o candidato à presidência da Câmara de Matosinhos, numa lista onde constam maioritariamente mulheres, nomeadamente:

  • Maria Lídia Viterbo, professora de português é a primeira subscritora;
  • Ana Trancoso, bietápica em farmácia, é a mandatária da candidatura;
  • Ana Santos, economista, candidata à Assembleia Municipal;
  • Maria do Céu, mandatária sénior, de 85 anos;
  • Manuela Silva, da área do turismo, candidata à União de Freguesias (UF) de São Mamede e Sr.ª Hora;
  • Manuela Ferreira Silva, farmacêutica, candidata à UF de Matosinhos e Leça da Palmeira;
  • Ana Cláudia Monteiro, solicitadora, candidata à UF Perafita, Lavra e Santa Cruz do Bispo;
  • João Ribeiro, engenheiro, candidato à UF Custóias, Leça do Balio e Guifões;
  • Manuel Coelho, gestor e coordenador de proximidade;
  • Alberto Paiva, contabilista certificado, é o mandatário financeiro.

O Matosinhos Independente esclareceu que a entrega do dossier da Candidatura é feita ao juiz competente do Tribunal de Matosinhos, mas só depois do Governo marcar o dia das eleições, o que o tem de o fazer com pelo menos 80 dias de antecedência.

Com as eleições autárquicas a serem marcadas entre os dias 22 de setembro e 14 de outubro de 2021, resta esperar pela marcação do Governo, indica o Matosinhos Independente.

Joaquim Jorge lembra: “A apresentação da nossa candidatura só pode ser efetuada a partir do dia útil seguinte à publicação do Decreto que marque a data das eleições. Podemos fazê-la até ao 55.º dia anterior ao dia da eleição”.

Entretanto, Joaquim Jorge indica que, usando uma sede-móvel, vai continuar a percorrer as freguesias do concelho de Matosinhos auscultando as populações, tal como já o fez em Lavra, Santa Cruz do Bispo, Leça da Palmeira e Perafita.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!