Militares portugueses saem do Afeganistão

Militares portugueses que integram a Missão Resolute Support no Afeganistão vão retirar a partir de 1 de maio de 2021. Até final de maio vão permanecer ainda alguns militares enquadrados na proteção do Aeroporto Internacional em Cabul.

0
Militares portugueses saem do Afeganistão
Militares portugueses saem do Afeganistão. Foto: © Rosa Pinto

As forças militares da Missão Resolute Support retiram do Afeganistão a partir de 1 de maio. A decisão foi tomada na reunião de ontem, dia 14 de abril de 2021, do Conselho do Atlântico Norte, onde participaram os Ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa Nacional dos países da NATO.

Portugal participa desde 2002 no esforço da NATO no Afeganistão, por onde passaram mais de 4.500 militares nacionais. Com esta retirada, os Ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa Nacional indicam que conclui-se um importante e prolongado contributo português na luta contra o terrorismo.

Para os Ministros registaram-se no Afeganistão importantes progressos em termos de estabilidade e segurança, bem como em termos de desenvolvimento social, incluindo em particular os direitos de mulheres e o acesso à educação para as raparigas.

“Portugal ajustará, de forma coordenada com os aliados, o dimensionamento da sua participação tendo decidido manter a presença da Força de Reação Rápida (FRR) nacional na proteção do Aeroporto Internacional em Cabul até final de maio”, referem os Ministros em Comunicado.

A FRR vai “continuar a contribuir com elementos de estado-maior nas estruturas de comando da missão até final da Missão Resolute Support, continuando igualmente a contribuir anualmente para o fundo de apoio ao Exercito Nacional Afegão até 2024” acrescenta o comunicado.

Os Ministros lembram que “Portugal mantém o seu compromisso com os esforços da comunidade internacional no combate ao terrorismo em todas as suas formas e manifestações, de que são exemplos os contributos nacionais do Médio Oriente ao Sahel, do Corno de África a Moçambique”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!