Navio de cruzeiro MSC Fantasia atracado em Lisboa já não tem passageiros a bordo

Todos os passageiros do Navio de cruzeiro MSC Fantasia atracado no Porto de Lisboa já desembarcaram. Cinco passageiros colombianos ficaram em Portugal por razões humanitárias. 500 tripulantes regressam aos seus países esta semana.

0
Navio de cruzeiro MSC Fantasia atracado em Lisboa já não tem passageiros a bordo
Navio de cruzeiro MSC Fantasia atracado em Lisboa já não tem passageiros a bordo. Foto: MSC

Terminou ontem, 1 de abril, a operação conjunta das autoridades portuguesas para o repatriamento de todos os passageiros que se encontravam a bordo do navio de cruzeiro MSC Fantasia, atracado no Porto de Lisboa, indicou o Ministério da Administração Interna (MAI).

Os últimos passageiros a sair de Portugal foram 9 argentinos e 500 tripulantes devem regressar aos seus países ainda esta semana, indicou o MAI, em comunicado, e acrescentou: “Cinco passageiros colombianos que deram entrada em Portugal mediante concessão de visto especial por razões humanitárias. Estes passageiros ficarão agora em confinamento obrigatório”.

O Navio de cruzeiro MSC Fantasia acostou no Porto de Lisboa, oriundo do Brasil, a 22 de março, com 1.338 passageiros, maioritariamente da União Europeia, Reino Unido, Brasil e Austrália. A bordo encontravam-se 27 cidadãos nacionais e 8 cidadãos estrangeiros residentes em Portugal. Os restantes passageiros estavam distribuídos em 38 nacionalidades.

O MAI esclareceu que a operação “Fantasia”, decorreu em articulação com diversas embaixadas dos vários países, e envolveu a Direção-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, a Polícia de Segurança Pública, a Autoridade Nacional da Aviação Civil, a Direção-Geral da Saúde, a Polícia Marítima, a Autoridade Tributária e Aduaneira e a ANA – Aeroportos de Portugal.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!