Noemie Freire é a primeira submarinista da Marinha Portuguesa

Noemie Freire é a primeira mulher com o curso de especialização em submarinos da Marinha Portuguesa. A primeiro-marinheiro que está apta a operar equipamentos de guerra eletrónica, recolha de imagens e sistema de combate vai prestar serviço no NRP Tridente.

0
Noemie Freire é a primeira submarinista da Marinha Portuguesa
Noemie Freire é a primeira submarinista da Marinha Portuguesa. Foto: Marinha

A primeiro-marinheiro Noemie Freire concluiu com sucesso o curso de especialização em submarinos e com a homologação do curso tornou-se a primeira mulher na Marinha Portuguesa com esta especialidade, em 105 anos de história dos submarinos em Portugal.

Noemie Freire referiu, citada em comunicado da Marinha, que sente “orgulho, por mais uma etapa alcançada” ao concluir o curso​​ juntamente com outros 6 militares.

A militar da Marinha, Noemie Freire, nasceu em França a 27 de fevereiro de 1988, fez toda a sua formação escolar em Pombal e ingressou na Marinha Portuguesa em janeiro de 2007 para realizar o curso de formação de praças, especialidade de operações.

Até 2017, ano em que iniciou a formação de especialização em submarinos, curso ao qual se candidatou, prestou serviços a bordo dos NRP Corte Real e NRP Bartolomeu Dias e no Centro de Operações Marítimas do Comando Naval.

A Marinha indicou que “durante o curso de especialização em submarinos a primeiro-marinheiro Freire demonstrou ser uma militar motivada e interessada, realizando com aproveitamento todas as provas teóricas”, e que “as mais de 900 horas de navegação realizadas no curso permitiram verificar o seu entrosamento e adaptação às especificidades das rotinas a bordo de um submarino e a aplicação dos conceitos e técnicas aprendidas.”

“A militar está agora habilitada a operar equipamentos de guerra eletrónica, recolha de imagens operacionais, operação do sistema de combate e a colaborar em ações de manutenção dos sistemas de armas”, indicou a Marinha, e que “Noemie Freire irá prestar serviço a bordo do NRP Tridente.”

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!