Paulo Ferreira começa em 2º no Morocco Desert Challenge

Piloto da Toyota, Paulo Ferreira, terminou primeiro dia do Morocco Desert Challenge a 18s do vencedor e assim em segundo lugar.

1
Paulo Ferreira começa em 2º no Morocco Desert Challenge
Paulo Ferreira começa em 2º no Morocco Desert Challenge. Foto: DR

O Morocco Desert Challenge que começou hoje em Agadir, na Plage Blanche, e nesta primeira etapa Paulo Ferreira, aos comandos de uma Toyota Hilux, conseguiu a segunda posição da competição auto, ao ficar a uns escassos 18s que vencedor Erik van Loon que pilotava também uma Toyota Hilux.

O piloto de Leiria, tendo como navegador por Jorge Monteiro, começou de forma excelente uma maratona onde em 2018 conseguiu vencer cinco das oito etapas.

“Foi uma etapa prólogo, mas com 218 quilómetros, muito técnica, variada e extremamente exigente do ponto de vista de navegação. Começámos na praia onde rolámos ao longo de mais de duas dezenas de quilómetros. As partidas foram dadas a dois carros de cada vez e nós partimos com o Van Loon ao nosso lado” referiu Paulo Ferreira.

O piloto acrescentou: “A determinada altura ele conseguiu ganhar alguma vantagem, mas nunca se distanciou muito. Passámos os dois carros que partiram à nossa frente e estou satisfeito. Fizemos uma boa etapa sem cometer erros”. Neste caso Paulo Ferreira dispõe de mais de 13 minutos que o espanhol Fernando Alvarez numa VW Amarok e que o francês Jean Pascal Besson num Peugeot DKR 3008 ex-oficial.

Amanhã, domingo, disputa-se a segunda especial do MDC 2019 entre Abetteh e Smara contando com 402 quilómetros cronometrados. Uma especial longa e realizada num percurso totalmente novo que levará os concorrentes até ao interior do Saara Marroquino (Ocidental). A etapa começa com trilhos de areia e prossegue numa antiga pista do Dakar em direção ao sul. Depois, uma variedade de trilhos rápidos e sinuosos com incontáveis passagens através de planícies arenosas fora de pista.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

1 Comentário

recente antigo mais votado

Não sei em que mapa viram o “Sahara Marroquino”. É uma terminologia apenas utilizada por Marrocos. A definição do território é muito clara pelas Nações Unidas: Sahara Ocidental um território não autonomo, ocupado militarmente e ilegalmente por Marrocos em 1975, pendente de descolonização.