Peniche com Aquatropolis Academy para Indústria 4.0 do setor aquícola

Peniche conta com Aquatropolis Academy. Um centro para formação e estudo da aplicação das tecnologias digitais à economia do mar, em especial ao setor da aquacultura. A Aquatropolis Academy envolve as escolas superiores do Politécnico de Leiria, em Peniche, e empresas.

0
49
Partilhas
Indústria 4.0 aplicada à economia do Mar
Indústria 4.0 aplicada à economia do Mar. Foto: Rosa Pinto

Com a inauguração da Aquatropolis Academy, a 30 de março, Peniche passa a dispor do “primeiro centro de excelência para a transformação digital do setor aquícola português”, e torna Peniche “o epicentro da quarta revolução industrial com impactos na aquacultura e economia do mar.”

O projeto da Aquatropolis Academy consolida a parceria já existente entre ensino superior e o tecido empresarial, ou seja, entre a Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM) do Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria) e a empresa de tecnologias de informação e comunicação, Compta. Um projeto que tem como “missão formar e capacitar os futuros profissionais do setor aquícola com competências nos domínios técnicos e científicos da Economia Digital”, preparando-os para liderarem processos da Indústria 4.0.

A Aquatropolis Academy, uma iniciativa da ESTM/IPLeiria e da Compta, resulta do consórcio Aquatropolis, um projeto cofinanciado pelo Compete 2020, que tem na base a colocação “dos princípios da ‘quarta vaga da Revolução Industrial’ ao serviço da modernização e competitividade do setor aquícola português”, através do desenvolvimento “de uma framework tecnológica que otimize processos críticos da produção.”

O consórcio Aquatropolis, que envolve as empresas Compta, ALGAplus, Domatica, o Politécnico de Leiria, através das Escolas Superiores de Turismo e Tecnologia do Mar e de Tecnologia e Gestão, o Politécnico de Tomar e o Tagus Valley, foi criado há cerca de um ano para promover o desenvolvimento sustentável da aquacultura.

A inauguração da Aquatropolis Academy, com a presença de Ana Paula Vitorino, ministra do Mar, José Apolinário, secretário de Estado das Pescas, e João Vasconcelos, secretário de Estado da Indústria, de Jaime Andez do Compete 2020, António Saraiva da CIP, António José Correia, presidente da Câmara Municipal de Peniche, e Nuno Mangas, presidente do Politécnico de Leiria, vai permitir “cimentar a liderança da cidade de Peniche no que toca à aplicação da Indústria 4.0 com impactos na aquacultura e economia do mar.”

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz