Porto Business School no Top 100 da Europa

Escola de Negócios da Universidade do Porto está entre as melhores escolas da Europa pelo sétimo ano consecutivo, ocupando a posição 62 do “European Business Schools Ranking”. Portugal tem mais três escolas neste ranking do Financial Times.

0
Porto Business School no Top 100 da Europa
Porto Business School no Top 100 da Europa

A Porto Business School, da Universidade do Porto, continua a destacar-se entre as melhores da Europa, pelo sétimo ano consecutivo, ocupando a posição 62 do “European Business Schools Ranking” do Financial Times (FT), no entanto verificou uma queda em relação a 2017 que ocupou a posição 59.

O ranking do Financial Times avalia as escolas de negócios em cinco categorias: Mestrados em Gestão; MBA full-time; MBA Executivo; Formação para Executivos Aberta e Formação para Executivos Customizada (programas criados à medida das necessidades das empresas).

O MBA Executivo da Porto Business School ocupa a posição 59, e na categoria “Executive Education”, os programas “Open Executive Education” são classificados na posição 34 e “Custom Executive Education” da Porto Business School, na posição 36 do ranking.

Ramon O’Callaghan, Dean da Porto Business School, referiu, citado em comunicado, que para a Porto Business School, “esta é mais uma evidência da qualidade e impacto do trabalho desenvolvido pela Escola, ao longo dos últimos 30 anos, desenvolvendo as competências necessárias para que indivíduos e organizações façam a mudança acontecer.”

A Porto Business School foi recentemente condecorada com a Ordem de Mérito pelo Presidente da República, “como reconhecimento pelo seu papel pioneiro, pela sua contribuição para a sociedade portuguesa e impacto na gestão do tecido empresarial do país, nos últimos 30 anos.”

Para o Dean da Porto Business School a posição recolhida no ranking da FT demonstra “a elevada qualidade da formação para executivos em Portugal – as principais escolas de negócios em Portugal estão no top 100 do mundo – o que, em termos proporcionais, considerando o rácio entre o número de escolas de negócios no top mundial por país e a sua população, faz de Portugal um dos países com maior representatividade neste ranking”.

Para a elaboração do “European Business School Ranking”, o FT baseia-se nos dados reunidos nos 4 rankings mundiais publicados pelo FT ao longo do ano, resultantes da ponderação de: MBA Full-time com 25%; MBA Executivo com 25%; Mestrado em Gestão com 25%, e Formação para Executivos – Open e Custom com 25%.

De acordo com o FT, a diferença em pontos das escolas que ocupam os primeiros do ranking e as do fim da lista é de apenas 200 pontos.

O ranking do FT, na sua análise estatística classifica as escolas em três grandes grupos: o top das 12 melhores; as escolas que ocupam o meio da tabela (68 escolas, nas quais se incluem as quatro escolas portuguesas) e últimas 15 escolas da tabela. Dentro de cada um destes grupos as diferenças de classificação entre escolas não são estatisticamente relevantes.

As escolas em Portugal que estão listadas no “European Business School Ranking” são:

Católica Lisbon School of Business and Economics que ocupa a posição 28, tendo descido dois lugares em relação a 2017 quando ocupava a posição 26.

Nova School of Business and Economics ocupa a posição 30, tendo caído 5 lugares, em 2017 ocupou a posição 25.

Porto Business School com a posição 62, em 2017 estava na posição 59.

 

ISCTE Business School na posição 63 subiu vários lugares, em 2017 estava na posição 80.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!