Portugal acolheu esta semana mais 38 pessoas refugiadas

Oriundas da Turquia e da Grécia foram acolhidas, esta semana, nos distritos de Braga, Bragança, Castelo Branco e Lisboa, mais 38 pessoas refugiadas. Portugal já acolheu 797 pessoas só ao abrigo do Programa Nacional de Reinstalação das Nações Unidas.

0
Portugal acolheu esta semana mais 38 pessoas refugiadas
Portugal acolheu esta semana mais 38 pessoas refugiadas. Foto: © Rosa Pinto

Já chegaram a Portugal, esta semana, mais 25 pessoas refugiadas oriundas da Turquia, ao abrigo do Programa Nacional de Reinstalação do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), e mais 13 pessoas requerentes de proteção internacional ao abrigo do Acordo de Recolocação Bilateral com a Grécia.

Os 38 cidadãos estrangeiros foram acolhidos em diferentes distritos, nomeadamente Braga, Bragança, Castelo Branco e Lisboa.

No âmbito do Programa de Reinstalação do ACNUR, o país já recebeu 797 pessoas vindas do Egito e da Turquia com diferentes nacionalidades, como da Síria, Iraque, Etiópia, Sudão, Sudão do Sul, Eritreia e Somália. Os cidadãos acolhidos beneficiam do Estatuto de Refugiado e é-lhes concedida declaração comprovativa do Estatuto de Proteção Internacional enquanto aguardam a emissão do Título de Residência para Refugiado, nos termos da Lei de Asilo.

O Ministério da Administração Interna indica em comunicado que o acolhimento e a integração destas pessoas têm sido uma prioridade do Governo, num esforço contínuo – envolvendo o Estado central, as autarquias locais, entidades públicas e privadas. Uma ação que tem sido reconhecida pelo ACNUR, pela Organização Internacional das Migrações (OIM), pela União Europeia e pelo Conselho da Europa.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!