Programa MIT Portugal anuncia novas áreas para os próximos anos

Decorre, a 1 de outubro de 2018, a Conferência Anual do Programa MIT Portugal, na Culturgest em Lisboa. Na conferência são apresentados os novos rumos da parceria, com especial atenção para as principais áreas e iniciativas a serem abordadas nos próximo anos.

0
Programa MIT Portugal anuncia novas áreas para os próximos anos
Programa MIT Portugal anuncia novas áreas para os próximos anos

Em 2018 tem havido uma renovação das diferentes parcerias internacionais que se enquadram na “GoPortugalGlobal Science and Technology Partnerships for Portugal”, e uma dessas parcerias é o Programa MIT Portugal.

Nos próximos anos, o Programa MIT Portugal vai concentrar esforços na investigação científica em áreas como oceanos, espaço, alterações climáticas, transformação digital e cidades sustentáveis. Temas que estão em debate na conferência anual do Programa que decorre a 1 de outubro de 2018, em Lisboa.

A conferência conta com a presença de Manuel Heitor, Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Paulo Ferrão, presidente da Fundação para a Ciência e a Tecnologia e de vários professores e investigadores do MIT, incluindo Dava Newman, diretora do programa no MIT.

Perto de 200 participantes, entre alunos, professores, investigadores e parceiros industriais, podem testemunhar os novos desenvolvimentos e as futuras oportunidades, mas também interagir e, possivelmente, gerar oportunidades para novas sinergias nas diversas áreas estratégicas em desenvolvimento e a desenvolver.

O encontro é uma oportunidade para estabelecer contactos entre equipas de várias instituições nacionais e internacionais com vista a eventuais futuros projetos.

Pedro Arezes, diretor do Programa MIT Portugal, referiu, citado em comunicado, que há uma “forte ambição” que todos “os parceiros colocam nesta nova fase, agora estabelecida até 2030”, e que há “uma aposta clara do nosso país em fortalecer a ligação com uma das mais prestigiadas universidades a nível mundial”.

O responsável pelo Programa concluiu que o objetivo é “desenhar iniciativas ao nível da ciência e tecnologia, cujos resultados revertam também para o tecido empresarial português e, com isso, beneficie e impulsione a economia do país”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!