Psiquiatria pode melhorar o desempenho desportivo

Estado emocional dos atletas e do corpo técnico numa competição, define, em muitos casos, o sucesso ou insucesso dos resultados. Para apoiar os agentes intervenientes no desporto a Unidade Psiquiátrica Privada de Coimbra lançou consulta de psiquiatria desportiva.

0
Psiquiatria pode melhorar o desempenho desportivo
Psiquiatria pode melhorar o desempenho desportivo. Foto: DR

A Unidade Psiquiátrica Privada de Coimbra (UPPC) disponibiliza a partir de hoje a sua consulta de psiquiatria desportiva. Este serviço, que é inovador em Portugal, surge com o propósito de melhorar a saúde e desempenho dos desportistas das mais diversas modalidades de competição.

A consulta de psiquiatria desportiva vai permitir avaliar e implementar um plano para minimizar os sintomas de condições recorrentes em contexto de competição desportiva, tais como a ansiedade, perturbações do sono ou do humor.

Para Pedro Esteves, psiquiatra responsável pelo Departamento de Psiquiatria Desportiva da UPPC, “o ambiente de competição é propício ao desenvolvimento de sintomas emocionais que prejudicam o desempenho dos atletas, o que os impede de atingir níveis compatíveis com as suas capacidades”.

Os sintomas emocionais são “manifestações associadas, maioritariamente, a fatores como a pressão constante para vencer, lesões, falhas competitivas ou perspetiva de fim de carreira. A componente biológica, psicológica e social da pessoa têm um papel preponderante na sua performance”.

A consulta de psiquiatra desportiva “vem preencher uma lacuna que existe no desporto de competição em Portugal, dado que o tratamento médico dos atletas se centra essencialmente na componente física. Porém, é imperativo que os desportistas estejam emocionalmente estabilizados, para que possam atingir o seu potencial desportivo e evitar sintomas como perda de concentração, diminuição dos reflexos e reações impulsivas durante a competição”.

Esta inovadora consulta de psiquiatria desportiva está disponível, na UPPC, todas as quartas-feiras, das 14 às 20 horas.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!