QuebraJazz em Coimbra começa com os Dixie Gringos

O Quebrajazz começa no dia 22 de junho, nas Escadas Quebra Costas, em Coimbra, com os Dixie Gringos Jazz Band, e no dia 23 sábado é a vez do contrabaixista Zé Eduardo, fundador e diretor da Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal, em Lisboa.

0
QuebraJazz em Coimbra começa com os Dixie Gringos
QuebraJazz em Coimbra começa com os Dixie Gringos. Foto: DR

A sétima edição do festival Quebrajazz, em Coimbra, começa no dia 22 de junho e vai até 1 de setembro. Nos fins-de-semana as Escadas do Quebra Costas vão ter jazz. A abrir o festival estão os Dixie Gringos Jazz Band e no dia seguinte, sabado, 23 de junho, o contrabaixista Zé Eduardo, fundador e diretor da Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal em Lisboa, uma das figuras mais importantes do jazz em Portugal nas últimas décadas, que atua com dois convidados: Pedro Moreira e Paulo Bandeira.

Programa para o fim-de-semana de arranque

Dia 22 de junho, sexta-feira, 22h30

Dixie Gringos Jazz Band
Dixie Gringos Jazz Band. Foto: DR

Dixie Gringos Jazz Band

Decorria o ano de 2000, a viragem do século e o início de um novo milénio eram o prenúncio de que algo novo estaria a eclodir. Os Dixie Gringos Jazz Band surgem com o objetivo principal de divulgar o Jazz Tradicional e hoje em dia já são um grupo de notoriedade nacional, fazendo anualmente dezenas de atuações por todo país e estrangeiro. Estes jovens músicos de Coimbra continuam a perpetuar o estilo de New Orleans, mostrando o que de mais divertido tem o jazz. É um grupo com grande dinâmica e alegria que espalha o seu bom humor por onde quer que passa e que certamente farão uma contagiante festa nas Escadas Quebra Costas.

Dia 23 de junho, sábado, 22h30

Zé Eduardo com Pedro Moreira e Paulo Bandeira
Zé Eduardo com Pedro Moreira e Paulo Bandeira. Foto: DR

Zé Eduardo convida…

Zé Eduardo, o contrabaixista de jazz português, que é também pianista, compositor e pedagogo de jazz. Fundador e diretor da Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal em Lisboa foi também diretor pedagógico do “Taller de Músics de Barcelona” (Barcelona).

Zé Eduardo é das figuras mais importantes do jazz em Portugal nas últimas décadas e a ele se pode atribuir alguns dos grandes momentos daquele género em Portugal, bem como a responsabilidade do aparecimento de toda uma nova geração de bons músicos de jazz, em Portugal e em Espanha.

Pedro Moreira como arranjador e assistente musical colaborou, com Robert Sadin, em projetos de Herbie Hancock e Wayne Shorter. Noutras áreas musicais tem colaborado, com músicos como Cristina Branco, Camané, Xutos e Pontapés, Pedro Abrunhosa, Rodrigo Leão, Carlos do Carmo, Milton Nascimento, e outros.

O baterista Paulo Bandeira tocou com nomes como Carlos Barretto, Afonso Pais ou Laurent Filipe, mas também são conhecidas as suas investidas fora do jazz, com Janita Salomé, Ala dos Namorados e várias orquestras.

Entre 22 de junho e 1 de setembro, as escadas do Quebra Costas, em Coimbra, são palco para uma mostra do melhor jazz que se faz por Portugal. O Quebrazjazz acontece todas as sextas-feiras e sábados, em pleno Centro Histórico de Coimbra, no percurso incluído no Património Mundial – Universidade de Coimbra, Alta e Sofia.

O festival tem entrada livre. A organização e programação é da Associação Cultural Quebra Costas, e conta com o apoio da Câmara Municipal de Coimbra, União das Freguesias de Coimbra e Turismo Centro Portugal,

No Quebrajazz deste ano há a particularidade de um concerto extra, na noite de 3 de julho, véspera do feriado municipal em Coimbra.

No total o festival vai ter 23 noites, 15 espetáculos distintos, 11 fins de semana e… muitas escadas, é apenas preciso escolher o degrau para assistir ao espetáculo que tem sempre início às 22h30.

Programa – concertos às 22h30

QuebraJazz em Coimbra
QuebraJazz em Coimbra

Dia 22 de junho, sábado

DIXIE GRINGOS

  • Adriano Franco – Trompete
  • Ricardo Barros – Clarinete e Voz
  • João Silva – Saxofone
  • Pedro Santos – Trombone
  • Hugo Costa – Tuba
  • Mauro Ribeiro – Banjo
  • Daniel Romero – Piano
  • Nuno Vilão – Percussão
  • Rui Lúcio – Bateria e Voz

Dia 23 de junho, domingo

Zé Eduardo Convida…

  • Zé Eduardo – Contrabaixo
  • Pedro Moreira – Saxofone
  • Paulo Bandeira – Bateria

Dias 29 e 30 de junho, sábado e domingo

KITE

  • Kiko Pereira – Voz
  • Telmo Marques – Teclados
  • José Carlos Barbosa – Contrabaixo
  • João Cunha – Bateria

Dia 3 de julho, quarta-feira

Carlos Barretto – Solo Pictórico

Carlos Barretto – contrabaixo

Dias 6 e 7 de julho, sábado e domingo

Entre Paredes – A música de Carlos Paredes

  • Bernardo Moreira – Contrabaixo
  • Gonçalo Neto – Guitarra
  • João Moreira – Trompete
  • Joel Silva – Bateria
  • Convidado: Tomás Marques – Saxofone

Dia 13 de julho, sábado

Maria João / OGRE (electric trio)

  • Maria João – Voz
  • João Farinha – Fender Rhodes
  • André Nascimento – Eletrónica

Dia 14 de julho, domingo

Maria João – A Poesia de Aldir Blanc

  • Maria João – Voz
  • João Farinha – Fender Rhodes
  • Quiné Teles – Bateria /Percussão

Dias 20 e 21 de julho, sábado e domingo

Quinteto Jeffery Davis

  • Jeffery Davis – Vibrafone
  • José Soares – saxofones alto e soprano
  • Óscar Marcelino da Graça – piano
  • Francisco Brito – contrabaixo
  • Marcos Cavaleiro – bateria

Dias 27 e 28 de julho, sábado e domingo

Bittersweet – Marta Hugon

  • Marta Hugon – Voz
  • Mário Delgado – Guitarra
  • Nelson Cascais – Contrabaixo
  • Óscar Marcelino da Graça – Piano
  • André Sousa Machado – Bateria

Dias 3 e 4 de agosto, sábado e domingo

João Espadinha – Kill the boy

  • João Espadinha – guitarra
  • Luís Cunha – trompete
  • João Pedro Coelho – piano
  • Nelson Cascais – contrabaixo
  • João Pereira – bateria

Dias 10 e 11 de agosto, sábado e domingo

Alma Nuestra

  • Victor Zamora – Piano
  • Salvador Sobral – Voz
  • Nelson Cascais – Contrabaixo
  • André Sousa Machado – Bateria

Dias 17 e 18 de agosto, sábado e domingo

Saga Cega

  • Rita Maria – Voz
  • Nuno Costa – Guitarra
  • Francisco Brito – Baixo
  • Óscar Graça – Teclados
  • André Sousa Machado – Bateria

Dias 24 e 25 de agosto, sábado e domingo

Circulo

  • Rita Maria – Voz
  • Luís Figueiredo – Piano
  • Mário Franco – Contrabaixo

Dia 31 de agosto, sábado

Synesthesia 6et

  • Vitória Wilkens – voz
  • André Pequicho – guitarra
  • Duarte Ventura – vibrafone
  • Diana Sampaio – saxofone
  • Dima – contrabaixo
  • Paulo Silva – bateria

Dia 1 de setembro, domingo

Quebra Ensamble

  • Carlos Azevedo – Piano
  • Ricardo Formoso – Trompete
  • João Freitas – Guitarra
  • Nelson Cascais – Contrabaixo
  • Paulo Bandeira – Bateria + JAM SESSION
Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!