Receitas turísticas crescem mais mil milhões em 2016

Nos dez primeiros meses de 2016 as receitas turísticas chegaram aos 11 mil milhões de euros, representando um crescimento de 10,3%, face a igual período de 2015, indica o Ministério da Economia, referindo dados do Banco de Portugal.

0
3
Partilhas
Receitas turísticas crescem mais mil milhões em 2016
Receitas turísticas crescem mais mil milhões em 2016. Foto: Rosa Pinto

As receitas turísticas cresceram 16,8% em outubro, atingindo os 1,3 mil milhões de euros. Nos dez primeiros meses as receitas já ultrapassaram em cerca de mil milhões de euros, comparativamente com o resultado obtido no mesmo período de 2015.

Os dados agora divulgados indicam que nos dez primeiros meses de 2016, os consumos diários dos turistas, em Portugal, atingiram os 36 milhões de euros, o que representa mais quatro milhões de euros diários do que se verificou em 2015.

O mês de outubro foi o quarto melhor mês de receitas turísticas do ano de 2016, uma condição que mostra o alargamento da atividade turística ao longo de todo o ano.

O Ministério da Economia indica, referindo dados do INE, Instituto Nacional de Estatística, que as dormidas e proveitos turísticos superaram os resultados totais alcançados de 2015. O número de dormidas em 2016 foi de mais 4 milhões do que em 2015 e 50% deste crescimento verificou-se fora dos meses da época alta.

O aumento da atividade turística verificou-se em todo o país, mas os maiores crescimentos verificaram-se nos Açores com um acréscimo de 30%, na Madeira com mais 20%, no Alentejo com mais 17%, e no Norte e Centro com mais 13%.

O aumento da atividade turística é, de acordo com a Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, resultado da “forte aposta realizada na captação de novas rotas aéreas e operações turísticas ao longo do ano e no aumento da atratividade do destino Portugal”.

Em 2016 “Portugal captou 64 novas operações aéreas, aumentando a oferta em 750 mil lugares, em particular fora da época alta”, e a atratividade do destino Portugal foi aumentada através da diversificação “de produtos e dinamizando a oferta turística ao longo de todo o ano, nomeadamente através da captação de eventos”, indicou ainda a Secretária de Estado do Turismo.

As estratégias para 2017, indica Ana Mendes Godinho, vão ter a mesma linha de ação, ao mesmo tempo que se mantém o aumento da qualificação e valorização das pessoas que trabalham no turismo, e com uma promoção cada vez mais focada nos mercados internacionais.

“Garantir que comunicamos diretamente para cada um dos mercados está a permitir conquistar novos públicos, como são exemplo os EUA e a Polónia, onde crescemos 20% desde o início do ano, ou a Holanda, onde estamos a crescer perto de 13%”, afirmou a Secretária de Estado, citada em comunicado.

Ao mesmo tempo que se estão a conquistar novas proveniências de turistas verificam-se crescimentos expressivos dos mercados tradicionais. Os turistas provenientes da França aumentaram 17,9%, do Reino Unido mais 9,5% e da Espanha mais 9,2% que chegam a Portugal.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz