Study in Lisbon Lounge para acolher estudantes internacionais

Lisboa com espaço de acolhimento a estudantes internacionais. O Study in Lisbon Lounge situa-se em Entrecampos perto de diversas instalações universitárias. A iniciativa da CML vai fornecer diversa informação aos estudantes para facilitar a integração.

0
1
Partilhas
Cidade de Lisboa
Cidade de Lisboa. Foto: Rosa Pinto

Estudantes internacionais contam, a partir de 2 de março, com um novo espaço de acolhimento em Lisboa. O Study in Lisbon Lounge é um espaço de receção e informação para todos os estudantes estrangeiros que escolham estudar na capital portuguesa. A localização na zona de Entrecampos beneficia da proximidade a diversas universidades.

O Study in Lisbon Lounge, uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa (CML), vai funcionar de segunda a sexta-feira, e nele estão representadas várias entidades parceiras que vão disponibilizar aos alunos internacionais um amplo e diversificado conjunto de serviços, bem como será distribuído gratuitamente o Guia do Estudante Universitário, que é uma publicação da CML.

Os estudantes passam a poder aceder a um conjunto de informações gerais sobre a cidade, referentes a eventos culturais, de lazer, e desportivos, oferecendo “ao estudante uma experiencia de acolhimento único e distintiva”, refere comunicado do Departamento de Marca e Comunicação da CML.

Para além das informações sobre a cidade, os estudantes poderão tratar de “assuntos relacionados com vistos de residência e passaportes”, num balcão do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), a instalar no local.

Os estudantes terão ainda “acesso a outros serviços e informações relevantes, tais como o apoio à procura de alojamento, abertura de contas bancárias, sistema de transportes, cursos de português, informações sobre sistema nacional de saúde, contactos com embaixadas, oportunidades de emprego ou estágios, entre outros”.

O projeto Study in Lisbon foi criado em 2014 pela CML numa parceria que inclui as Universidades públicas e privadas da cidade, o Instituto Politécnico de Lisboa (IPL), o Centro de Informação Europeia Jacques Delors, a Fullbright Commission, e a Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento.

No dia 2 de março, durante a inauguração do espaço, a CML assina protocolos de colaboração com o SEF, as associações Erasmus Life Lisboa, Erasmus Student Network e Erasmus Lisboa.

Para Luísa Maia Gonçalves, Diretora Nacional do SEF, os serviços passam a estar “mais perto dos estudantes, investigadores e empreendedores, nacionais e estrangeiros, ao serviço da respetiva situação documental, contribuindo para que possam mais facilmente cumprir os seus objetivos”.

Francisco Silva, Fundador e CEO da ‘Erasmus Lisboa‘ referiu, citado no comunicado, que o novo espaço “irá proporcionar aos estudantes internacionais a conveniência de ter múltiplas necessidades satisfeitas em um só local, em vez de terem de se deslocar por toda a cidade, para obter os mesmos serviços.”

A iniciativa para criar outro Welcome Center na cidade de Lisboa, e neste caso junto à cidade universitária é um fator forte para que a ‘Erasmus Life Lisboa’ se junte ao Study in Lisbon, referiu André Oliveira Martins, Fundador e CEO Erasmus Life Lisboa.

Para José Trindade, Presidente do ‘Erasmus Student Network’, “o Study in Lisbon Lounge será uma importante plataforma para oferecer aos estudantes internacionais na cidade um contacto direto com diversas entidades”.

A centralização dos diversos serviços aos estudantes, que até agora dispersos dificultavam o começo de vida e a integração na cidade, vai facilitar aos estudantes informação e auxiliar a fazer “a ponte entre a vida no seu país de origem e a sua futura vida numa cada vez mais vibrante cidade cosmopolita como é Lisboa”, indica o Presidente do Erasmus Student Network.

Na inauguração e apresentação do Study in Lisbon Lounge, em 2 de março, estão presentes, entre outras entidades, o vice-presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Duarte Cordeiro, a Secretária de Estado do Ensino Superior, Fernanda Rollo, e a diretora Nacional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Luísa Maia Gonçalves.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz