Surrealismo do século XXI em Santa Clara, em Coimbra

Artistas de três nacionalidades levam a Coimbra o Surrealismo do século XXI. A Exposição "Surrealismo de Goa, Zagreb, Lisboa e Coimbra" pode ser visita no Espaço de Arte do Recordatório Rainha Santa Isabel, em Santa Clara, a partir de 29 de outubro.

0
Surrealismo do século XXI em Santa Clara, em Coimbra
Surrealismo do século XXI em Santa Clara, em Coimbra

Exposição “Surrealismo de Goa, Zagreb, Lisboa e Coimbra” pode ser visitada no Espaço de Arte do Recordatório Rainha Santa Isabel em Santa Clara na cidade de Coimbra em Portugal. A exposição é inaugurada dia 29 de outubro, às 18h00.

A exposição organizada por Santiago Ribeiro em parceria com José Simão, Presidente da União de Freguesias de Santa Clara e Castelo Viegas, recebe obras de Santiago Ribeiro e dos artistas convidados Radhika Menon, da India, Nikolina Petolas da Croácia e Paula Rosa de Lisboa.

Radhika Menon, do sul da Índia, de Kerala, onde cursou a escola primária, tendo vivido em Mumbai / Bombaim, e atualmente em Goa. A artista tem obras por várias partes do mundo, incluindo o Brasil e a Indonésia. Radhika Menon tem vindo a colaborar em documentários e curtas-metragens, e com outros artistas de motion graphics. Está pela primeira vez em Portugal a convite de Santiago Ribeiro.

Nikolina Petolas vive e trabalha em Zagreb na Croácia, a partir aí envia as suas obras para todo o mundo. Já expôs várias vezes em Portugal, a convite do Santiago, mas também em muitas outras cidades de diferentes países. Paris é uma das cidades que vai receber as obras da artista numa exposição individual.

Nikolina Petolas
Nikolina Petolas

Paula Rosa vive e trabalha em Lisboa de onde também promove sua arte para todo o mundo. Tem vindo a participar em inúmeras exposições nacionais e internacionais, algumas delas a convite de Ribeiro, em cidades como Dallas, Mississípi, Berlin, Madrid, Paris e Granada.

Paula Rosa
Paula Rosa

Santiago Ribeiro é de Coimbra, e á considerado um dos mais dinâmicos artistas surrealistas portugueses e tem vindo a promover sua arte e o surrealismo do séc. XXI por todo o mundo. Em outubro e novembro o artista expõe em Minskna Biélorrussia, Nova Delhina India, na Sicília no sul de Itália e mais uma vez em Moscovo, onde expõe regularmente desde 2011.

Santiago Ribeiro
Santiago Ribeiro

Os três artistas presentes na exposição em Coimbra fazem parte da Internacional Surrealism Now da qual Santiago Ribeiro é o fundador, a maior exposição de arte surrealista do século XXI que teve início em 2010 organizada pela Fundação Bissaya Barreto.

Desde 2010 que Santiago tem vindo a expor sua arte em várias cidades por todo o mundo, como Berlim, Moscovo, Nova Iorque, Dallas, Los Angeles, Mississippi, Varsóvia, São Petersburgo, Nantes, Paris, Londres, Pequim, Florença, Madrid, Granada, Barcelona, Lisboa, Belgrado, e noutras cidades de países como Monte Negro, Roménia, Japão, Taiwan e Brasil, bem como em diversas cidades em Portugal. A estas juntam-se agora Minsk, Nova Delhi e Caltagirone na Sicília.

A exposição em Santa Clara tem também como objetivo recordar a Rainha Santa, de Coimbra, através da exposição de várias peças antigas, estátuas e livros antigos sobre a Rainha Santa.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!