UMinho ensina português a estrangeiros de 50 países

Universidade do Minho (UMinho) através do seu Centro de Línguas, o BabeliUM ensina a língua portuguesa, anualmente a mais de 400 pessoas provenientes de 50 países, como o Irão, Rússia, Zimbabué, China, Venezuela, Paquistão e Nigéria.

0
35
Partilhas
Estudantes da Universidade do Minho
Estudantes da Universidade do Minho. Foto: DR

Além dos cursos anuais, o BabeliUM, Centro de Línguas da Universidade do Minho, disponibiliza formações semestrais de português nos campi da Universidade, de Gualtar e Azurém, em Guimarães. O objetivo é dotar os participantes de competências linguísticas de português e dar a conhecer vertentes importantes da cultura portuguesa, nomeadamente o património histórico, as artes e a gastronomia.

Os participantes nos cursos de Português Língua Estrangeira (PLE) são avaliados de acordo com o Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas, e atribuído um certificado comprovativo da assiduidade e dos níveis atingidos.

Os cursos de PLE são promovidos pela UMinho como forma de concretizar a política de integração dos estudantes estrangeiros que frequentam os cursos de graduação e pós-graduação na Universidade.

Henrique Barroso, coordenador do BabeliUM, referiu, citado pela UMinho, que o ensino do português aos estudantes estrangeiros se enquadra “no crescimento da própria Universidade e na sua estratégia de internacionalização, bem como no valor intrínseco deste idioma global que conta com mais de 260 milhões de falantes nativos, classificando-se, assim, como a quarta língua materna mais falada do mundo.”

Com o aumento crescente de estudantes estrangeiros nas instituições de ensino superior em Portugal, o ensino da língua portuguesa deveria assumir uma linha estratégica e prioritária de atuação das diversas Universidades e Politécnicos. O conhecimento da língua é fator de preferência quando se trata de escolher o país para frequentar cursos, viajar, investir ou trabalhar. A língua é a base de confiança para a compreensão da cultura e dos modelos jurídicos em vigor no país. Nesta linha a Universidade do Minho parece estar a dar um exemplo.

O Curso Anual de Português Língua Estrangeira do BabeliUM vai celebrar até maio de 2018 os 25 anos de existência ao serviço da cultura portuguesa e dos estudantes. As comemorações, que têm início hoje, 2 de outubro, têm um programa diversificado envolvendo 25 atividades, e incluiu a sessão de arranque que decorreu no auditório do Instituto de Letras e Ciências Humanas (ILCH) do campus de Gualtar, em Braga.

Do programa de comemorações com o titulo ‘25 Anos | 25 Atividades’ constam um peddy-paper em 2 de outubro, às 14h30, as tertúlias ‘Língua Portuguesa (e)m Braga’ em 26 de outubro, ‘Diversidade Linguística’ em 29 de novembro e ‘O Natal Português’ a 4 de dezembro, uma caminhada ao Bom Jesus do Monte a 23 de novembro, as aulas abertas ‘Expressões Idiomáticas’ a 23 de janeiro e ‘25 de abril de 1974’ no dia 20 de abril, o colóquio ‘O Português na Casa do Mundo, hoje’ a 8 de fevereiro, um piquenique internacional a 18 de maio. Vão decorrer também visitas guiadas, cinema, recital de poesia e noite de fado.

Programa das comemorações ‘25 Anos | 25 Atividades’

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz