Prémio Científico IBM para trabalho em Inteligência Artificial e Web Semântica

Matthias Knorr, da Faculdade de Ciências e Tecnologia, da Universidade Nova de Lisboa (UNL), ganha Prémio Científico IBM 2015, pelo trabalho de investigação no âmbito da Inteligência Artificial e da Web Semântica.

0
Matthias Knorr, Prémio Científico IBM 2015
Matthias Knorr, Prémio Científico IBM 2015. Foto: © DR

“Raciocínio Eficiente combinando Regras Não-Monótonas e Ontologias para a Web Semântica” é o título do trabalho de investigação de Matthias Knorr. Um trabalho na área da inteligência artificial, especificamente na Representação de Conhecimento e Raciocínio (RCR) e da Web Semântica.

A utilização inteligente de informação estruturada e distribuída pela Web, capacitando os sistemas com um vasto conhecimento sobre o mundo, está na base do trabalho que permitiu a Matthias Knorr, de 35 anos, de nacionalidade alemã e doutorado em Engenharia Informática pela Universidade Nova de Lisboa, ganhar o prestigiado Prémio Científico IBM.

“Atualmente a Web disponibiliza enormes quantidades de informação e conhecimento com diferentes formas de estruturação e complexidade, desde conhecimento organizado em hierarquias até conhecimento que permite representar e raciocinar sobre exceções”, explicou Matthias Knorr, citado pela IBM Portugal.

O investigador esclareceu ainda que “grande parte deste conhecimento é representado em linguagens estandardizadas para facilitar a sua criação e reutilização entre aplicações, empresas e comunidade”.

O trabalho de Matthias Knorr inclui, referiu, “uma ferramenta que permite o raciocínio sobre a integração de várias bases de conhecimento de forma muito eficiente, algo que é crucial tendo em conta os grandes volumes de informação e conhecimento disponíveis nos nossos dias”.

A IBM Portugal indicou que o júri do prémio decidiu atribuir uma Menção Honrosa à investigadora Dulce Alves de Oliveira, doutoranda em Engenharia Biomédica, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, pelo trabalho que apresentou com o título “Modelos Computacionais para Simular Cenários Clínicos: Parto Vaginal”.

O trabalho de investigação de Dulce Alves de Oliveira aborda o “desenvolvimento de modelos biomecânicos para análise de possíveis cenários clínicos relacionados com o parto, para apoio de tomada de decisão por médicos”.

O Prémio Científico IBM vai já na 26ª edição a promover e “motivar jovens investigadores portugueses a divulgarem os seus projetos, fomentando o relacionamento entre as comunidades empresarial, académica e de investigação científica”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!