19 Janeiro 2022

Tag: AVC

Mariana Carvalho Dias, Neurologista no Hospital de Santa Maria e Membro J-SPAVC

Fumar pode provocar um AVC: não seja mais uma vítima

Consumo de tabaco está relacionado com a ocorrência de AVC. A neurologista Mariana Carvalho Dias descreve, neste seu artigo, algumas das consequências para a saúde do consumo de tabaco e alerta que milhares de crianças são vítimas de tabagismo passivo.
Luísa Fonseca, Assistente Hospitalar Graduada de Medicina Interna Coordenadora Unidade de AVC do Centro Hospitalar Universitário S. João Assistente Convidada da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto Coordenadora do NEDVC da SPMI.

AVC é a principal causa de morte e incapacidade em Portugal

Impacto da pandemia COVID-19 em doentes de Acidente Vascular Cerebral, prevenção, sintomas e tratamento. A médica especialista Luísa Fonseca assinala o Dia Mundial do AVC, 29 de outubro, dando a conhecer, neste seu artigo, o Plano de ação para o AVC na Europa.
João Brum Silveira, cardiologista de intervenção e coordenador do Stent Save a Life.

Sabe distinguir um enfarte de um AVC? Quais os sintomas?

O enfarte agudo do miocárdio acontece no coração e o acidente vascular cerebral (AVC) afeta o cérebro. O cardiologista João Brum da Silveira esclarece, neste seu artigo, os sintomas de cada uma das condições e medidas de prevenção.
Tempo no smartphone, computador e televisão aumenta risco de AVC

Tempo no smartphone, computador e televisão aumenta risco de AVC

Morte por acidente vascular cerebral está a aumentar entre adultos jovens, com idades dos 35 aos 64 anos, devido ao aumento de tempo de lazer ocupado na ligação a smartphones, computadores ou televisão.
Hipólito Nzwalo, Unidade de AVC, Centro Hospitalar Universitário do Algarve, Membro da Comissão Científica da Sociedade Portuguesa de AVC, Professor na Faculdade de Medicina e Ciências Biomédicas, Universidade do Algarve.

Fatores de risco cerebrovascular no prognóstico da esclerose múltipla

Estilos de vida saudáveis promovem a saúde do cérebro. É disto que nos fala o Prof. Doutor Hipólito Nzwalo, neste seu artigo, que refere a ligação entre os fatores de risco cerebrovascular e o prognóstico da esclerose múltipla.
Ana Paiva Nunes, Medicina Interna, Coordenadora da Unidade Cerebrovascular do Centro Hospitalar de Lisboa Central, Membro da Comissão Científica da Sociedade Portuguesa do AVC

Dia Mundial da População: Porquê falar de AVC?

O Acidente Vascular Cerebral é a principal causa de morte em Portugal, mas que é possível combater, como alerta a especialista em medicina interna, Ana Paiva Nunes, neste seu artigo, e onde deixa alguns conselhos para promoção da saúde individual.
“Escute o seu coração”: Fibrilhação Auricular e o risco de AVC

“Escute o seu coração”: Fibrilhação Auricular e o risco de AVC

Na Semana Mundial do Ritmo Cardíaco, de 7 a 13 de junho, a Fundação Portuguesa de Cardiologia apoia a campanha internacional “Escute o seu coração". Conhecer o ritmo cardíaco e detetar possíveis arritmias para diminuir o risco de AVC e melhorar qualidade de vida.
Daniela Santos Oliveira, Interna de Formação Específica em Neurologia no Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga, Membro da J-SPAVC

O seu cérebro está nas suas mãos, cigarro a cigarro (a menos)

Tabagismo é responsável por diversas doenças como cancro do pulmão e o acidente vascular cerebral (AVC). A médica especialista Daniela Santos Oliveira alerta, neste seu artigo, que o nosso cérebro pode estar nas nossas mãos.
Rui Cernadas, Médico especialista em Medicina Geral e Familiar, Membro da Comissão Científica da Sociedade Portuguesa do AVC

Médico de Família como responsável na prevenção do AVC

Neste tempo de pandemia o médico de família não pode reduzir a sua ação a uma comunicação à distância. Rui Cernadas, especialista em Medicina Geral e Familiar, lembra, neste seu artigo, a presença do médico na prevenção de doenças, em particular no AVC.
Ana Verónica Varela, Internista do Centro Hospitalar e Universitário do Algarve – Hospital de Faro, Membro do grupo J-SPAVC, da Sociedade Portuguesa do AVC

AVC e a hipertensão arterial: É melhor prevenir do que remediar!

O tratamento do AVC tem avançado, mas continua a ser a principal causa de morte em Portugal. A médica Ana Verónica Varela indica, neste seu artigo, que a prevenção é a melhor opção. Conhecer os fatores de risco é fundamental para melhor prevenção.

Siga-nos nas redes sociais

DESTAQUE

MAIS LIDAS