Apelo urgente aos EUA para salvar cientistas e académicos do Afeganistão

Académicos de todo o mundo fazem um apelo urgente ao Governo dos EUA para ajudar a salvar do Afeganistão professores, estudantes, e outros atores da sociedade que têm a vida em perigo com a chegada ao poder dos talibãs.

0
Apelo urgente aos EUA para salvar cientistas e académicos do Afeganistão
Apelo urgente aos EUA para salvar cientistas e académicos do Afeganistão. Foto de arquivo

A Scholars at Risk (SAR) em parceria com 40 instituições de ensino superior e milhares de académicos e estudantes de todo o mundo estão preocupados com os colegas no Afeganistão. Num apelo urgente dirigido ao Governo dos EUA os académicos mundiais pedem para que sejam tomadas medidas imediatas para retirar do Afeganistão todos os académicos, estudantes e atores da sociedade civil que têm a vida em perigo.

A SAR indica que está a correr contra o tempo para oferecer assistência aos colegas no Afeganistão que, neste momento, procuram desesperadamente sair do país. Muitos cientistas, professores, estudantes e lideres locais da sociedade já se esconderam e podem em breve tentar fugir do país através das fronteiras terrestres, colocando a vida em perigo.

Estes cientistas e demais académicos e líderes da sociedade podem não ter usado um uniforme ou não terem trabalhado diretamente para o Governo dos EUA, mas ao longo dos últimos vinte anos lutaram ao lado dos interesses dos Estados Unidos por um novo Afeganistão, que respeite os direitos humanos, e que avance para o futuro baseado no conhecimento.

Centenas de afegãos viajaram para os Estados Unidos em busca de educação e voltaram para sua terra natal, para se dedicarem aos valores de abertura e tolerância. Valores que não são os dos talibãs e por isso as suas vidas estão em perigo.

Académicos de todo o mundo apelam aos EUA para continuar os voos de evacuação durante um período alargado de tempo para que seja possível incluir académicos, estudantes e atores da sociedade civil que apoiaram a visão progressista e pluralista para o Afeganistão que definia a missão dos EUA. O apelo é que não sejam encerrados os voos até que todos estejam em segurança.

O apelo vai também para que todas as embaixadas e consulados dos EUA e dos países aliados para concederem vistos aos cidadãos afegãos que para lhes facilitar a entrada nos Estados Unidos ou num país terceiro o mais rápido possível.

No caso de académicos e cientistas em particular, estes sejam dispensados de alguns dos requisitos de intenção de retorno e residência e que seja estabelecido um apoio financeiro especifico dedicado para académicos, estudantes e atores da sociedade civil do Afeganistão, incluindo homens e especialmente mulheres de minorias étnicas e religiosas, para realizar estudos, palestras, ou ocupar cargos de investigador ou cargos académicos temporários em instituições de ensino superior dos EUA.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!