Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal com 180 equipas em competição

Pedro Santinho Mendes, em Can-Am Maverick, Salvador Vargas, em KTM, Alexandre Ré, em VW Amarock e Luís Engeitado, em Yamaha, que lideram os respetivos campeonatos, vão competir em Reguengos de Monsaraz, na Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal.

0
Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal com 180 equipas em competição
Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal com 180 equipas em competição. Foto: DR

Quinta etapa do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno da FMP e terceira do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno/AM 48 da FPAK, a Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal, que é organizada pela Secção de Motorismo da Sociedade Artística Reguenguense, reune uma lista com 180 equipas de pilotos: 70 de SSV; 54 de Motos; 48 de Autos e 7 de Quads.

A defenderem as respetivas lideranças vão estar Pedro Santinho Mendes, em Can-Am, nos SSV, Salvador Vargas em KTM, nas motos, Alexandre Ré em VW Amarok, nos automóveis e Luís Engeitado em Yamaha, nos Quad.

Os SSV com 70 equipas inscritas, um número recorde nesta temporada, são um dos grandes polos de atração da prova. Com duas vitórias no Pinhal e em Loulé, às quais junto um segundo lugar na Ferraria, Pedro Santinho Mendes reforçou a liderança desta competição. Vitor Santos, João Monteiro, Pedro Carvalho fazem também parte do leque de candidatos ao título. Deste grupo já estarão afastados João Dias, Nuno Fontes, Aristides Júnior e Cristiano Batista, Luís Cidade, entre outros, todos eles aos comandos dos supercompetitivos Can-Am Maverick X3, que, todavia, não deixam de ser fortes candidatos à vitória nesta prova alentejana.

Nas motos o destaque vai para o regresso do campeão António Maio que se junta a Sebastian Bühler que regressou na Ferraria. Os dois foram os grandes animadores das anteriores temporadas.

A luta pelo título está muito animada envolvendo um trio de pilotos com motos e de Classes diferentes: Salvador Vargas em KTM, Daniel Jordão em Yamaha, Bernardo Megre em Husqvarna, que lideram respetivamente as Classe TT3, TT2 e TT1. Arcélio Couto, em Honda, Domingos Santos em AJP e agora também Gonçalo Amaral, em Honda, são os principais candidatos às posições seguintes.

Nos automóveis Alexandre Ré em VW Amarok lidera fruto dos dois segundos lugares alcançados nas provas já disputadas. O campeão nacional João Ramos, em Toyota Hilux, que venceu em Loulé e Nuno Matos em Fiat Full Back Proto, que triunfou na Baja do Pinhal serão seguramente outros dois candidatos à vitória. Na luta pelas primeiras posições estão ainda incluídos Pedro Dias da Silva em Ford EXR 05, Tiago Reis em Mitsubishi Lancer, André Amaral em Ford Ranger, Nuno Madeira em Kia Sportage e o regressado Paulo Rui Ferreira em Toyota Hilux.

Nos Quad, a vitória de Luís Engeitado na Ferraria, onde Roberto Borrego foi forçado a abandonar, dá alguma vantagem ao piloto de Évora. Entre os dois deverá ser disputada a vitória nesta corrida onde apenas cinco pilotos federados se inscreveram.

A Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal terá início na manhã de sábado, dia 25 de maio, altura em que se disputa o prólogo de 7,25 Km. Ainda no sábado cumpre-se o primeiro setor seletivo com 151 km. No domingo, realiza-se a segunda etapa que terá um troço cronometrado de 151 km.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!