Boeing entrega primeiro avião 737 MAX 8 à Royal Air Maroc

Royal Air Maroc, companhia aérea de bandeira, de Marrocos, recebeu o primeiro de quatro aviões 737 MAX 8 com os quais pretende modernizar a frota, depois de ter também recebido, em dezembro, o primeiro Boeing 787-9 Dreamliner.

0
Boeing entrega primeiro avião 737 MAX 8 à Royal Air Maroc
Boeing entrega primeiro avião 737 MAX 8 à Royal Air Maroc. Foto: Boeing

A Boeing entregou ontem, 21 de dezembro, o primeiro 737 MAX 8 à Royal Air Maroc. A companhia aérea pretende usar a versão mais económica do avião Boeing 737 para expandir e modernizar a frota.

A Royal Air Maroc, companhia aérea de bandeira, de Marrocos, recebeu também o primeiro Boeing 787-9 Dreamliner na semana anterior, e irá receber mais três outros 737 MAX 8 e mais três 787-9 nos próximos meses. Os novos aviões fazem parte do plano estratégico da companhia para fortalecer as operações.

“Temos o prazer de receber o primeiro 737 MAX da nossa companhia aérea, que em breve será acompanhado por outros três aviões da mesma família. Esses novos aviões 737 MAX expandem nosso portfólio de médio curso, que forma a espinha dorsal da frota da Royal Air Maroc”, referiu Abdelhamid Addou, CEO e Presidente da Royal Air Maroc.

Abdelhamid Addou acrescentou: “Este avião está alinhado com nossa estratégia de expandir e modernizar continuamente a nossa frota, e ocorre poucos dias após o anúncio do convite da Royal Air Maroc para integrar a mais prestigiada Oneworld Alliance, o que, por sua vez, fortalecerá ainda mais nossa posição de liderança no continente, o que é bom tanto para o nosso país como para a Royal Air Maroc.”

Os 737 aviões MAX 8 vão aproveitar o sucesso da frota de 737 Next-Generations da Royal Air Maroc. O MAX incorpora a mais recente tecnologia de motores CFM International LEAP-1B, winglets de tecnologia avançada e outros melhoramentos de estrutura que melhoraram o desempenho e reduzem os custos operacionais.

Em comparação com o modelo 737 anterior, o MAX 8 pode voar mais de 600 milhas náuticas, ou seja, mais 1.112 quilômetros, enquanto proporciona mais de 14% de eficiência no consumo de combustível. O MAX 8 pode acomodar até 178 passageiros numa configuração padrão de duas classes e voar a 3.550 milhas náuticas, ou seja, 6.570 quilômetros.

A Royal Air Maroc planeia colocar o 737 MAX 8 nas rotas de Casablanca para Acra, no Gana, Lagos, na Nigéria, Londres-Heathrow, em Inglaterra, Bolonha, na Itália, e Paris (Orly e CDG). Com o 737 MAX e o 787 Dreamliner, a Royal Air Maroc passa a operar aviões avançados dos segmentos narrowbody e widebody. “É uma combinação incomparável de eficiência e desempenho que vai permitir que a companhia aérea aumente a rede e os negócios”, referiu Ihssane Mounir, vice-presidente sénior de Vendas Comerciais e Marketing da The Boeing Company.

Ihssane Mounir acrescentou: “Estamos entusiasmados em comemorar este mês dois grandes marcos com nosso cliente de longa data, a Royal Air Maroc. Ao longo das últimas cinco décadas, temos o gosto de vê-los crescer nas asas dos aviões da Boeing e estamos muito animados para ver o próximo capítulo da nossa parceria”.

A Boeing indicou que está associada ao setor industrial no Marrocos, ao apoiar o desenvolvimento da indústria aeronáutica por meio de iniciativas como a joint venture MATIS Aerospace, especializada na produção de cabos elétricos para aviões, bem como está envolvida em parcerias com a EFE-Marrocos e a associação INJAZ Al-Maghrib, na educação dos mais novos.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!