Boeing nomeia novos líderes para acelerar parceria com a brasileira Embraer

Marc Allen é o novo vice-presidente sénior da Boeing e presidente da Embraer Partnership and Group Operations, Michael Arthur presidente da Boeing International e John Slattery presidente e diretor executivo da joint venture de aviação comercial e serviços Boeing/Embraer.

0
Boeing nomeia novos líderes para acelerar parceria com a brasileira Embraer
Boeing nomeia novos líderes para acelerar parceria com a brasileira Embraer. Marc Allen. Foto: DR

A Boeing anunciou hoje três nomes para liderarem atividades da Companhia a partir de 22 de abril de 2019, com o objetivo de fortalecer ainda mais a presença global e parcerias com a brasileira Embraer.

Marc Allen, 45 anos, atual presidente da Boeing International, foi nomeado vice-presidente sénior da Boeing e presidente da Embraer Partnership and Group Operations. Reporta ao Presidente e CEO da Boeing. Marc Allen torna-se o principal executivo da Boeing responsável pela preparação da integração de várias operações do grupo Embraer com a Boeing, e na conclusão do negócio, execução, desempenho financeiro e crescimento dos ativos da Embraer. Marc Allen vai continuar como membro do Conselho Executivo da Boeing.

A Boeing e a Embraer aprovaram em dezembro de 2018 duas joint venture – uma parceria de aviação comercial e uma joint venture KC-390, o governo brasileiro deu sua aprovação para ambas as parcerias em janeiro de 2019. Pouco tempo depois, o conselho de administração da Embraer ratificou o apoio ao acordo e os acionistas da Embraer aprovaram o acordo em fevereiro. A Boeing terá uma participação acionista de 80% na nova companhia comercial de aeronaves e serviços, e a Embraer ficará com os 20% restantes.

Marc Allen vai presidir o conselho da nova empresa. A Embraer terá 51% das ações da joint venture KC-390, com a Boeing a deter os 49% restantes. Marc Allen vai atuar como principal representante da Boeing na direção da joint venture KC-390. Esta joint venture está sujeita à obtenção de aprovações regulatórias e à satisfação de outras condições, que a Boeing e a Embraer esperam atingir até o final de 2019.

“A experiência e os relacionamentos globais de Marc Allen, o profundo conhecimento da nossa indústria e a paixão pelas pessoas tornam-no excecionalmente qualificado para liderar com a integração dessas duas empresas icônicas”, referiu Muilenburg.

Marc Allen, que ingressou na Boeing em 2007, atuou nos últimos quatro anos como presidente da Boeing International, liderando a estratégia de crescimento global e as operações corporativas da empresa. Anteriormente, Marc Allen ocupou vários cargos de liderança, incluindo presidente da Boeing Capital Corporation, presidente da Boeing China, vice-presidente da Global Law Affairs e conselheiro geral da Boeing International. Antes de trabalhar na Boeing, exercia a advocacia em Washington.

Michael Arthur, 68 anos, atual presidente da Boeing Europe e diretor executivo da Boeing no Reino Unido e na Irlanda, vai suceder Allen como presidente da Boeing International.

Como presidente da Boeing International, Michael Arthur é primeiro não americano a fazer parte do Conselho Executivo, e vai reportar a Muilenburg. Michael Arthur vai conduzir a estratégia global da empresa e as operações corporativas fora dos EUA, supervisionando 18 escritórios regionais nos principais mercados globais. Arthur manterá escritórios em Londres e em Arlington, na Virgínia.

Boeing nomeia novos líderes para acelerar parceria com a brasileira Embraer. Michael Arthur. Foto: DR

“Sir Michael Arthur é uma voz líder em questões internacionais e tem sido fundamental para ajudar a Boeing a tornar-se uma empresa mais global nos últimos anos”, referiu Muilenburg. “Alavancando perceções e relacionamentos que ele desenvolveu ao longo de décadas, a elevação de Sir Michael para nossos altos escalões vai acelerar ainda mais nosso progresso para se tornar não apenas o líder no setor aeroespacial, mas um campeão industrial global.”

Antes de ingressar na Boeing em 2014, o britânico Michael Arthur passou três décadas de serviço internacional no governo no Serviço Diplomático Britânico do Foreign Commonwealth Office, inclusive servindo como embaixador britânico na Alemanha e alto-comissário britânico na Índia.

John Slattery, 50 anos, atual presidente e diretor executivo da Embraer Commercial Aviation e vice-presidente executivo da Embraer SA, assume o cargo de presidente e diretor executivo da joint venture de serviços comerciais e de aviação entre a Boeing e a Embraer. Esta nomeação está sujeita a nomeação formal pelo Conselho de Administração da joint venture após a sua concretização final. Uma vez aprovado, Slattery reportará a Marc Allen como presidente de direção da empresa. John Slattery terá escritório em São José dos Campos, no Brasil.

Boeing nomeia novos líderes para acelerar parceria com a brasileira Embraer. John Slattery. Foto: DR

“Esta joint venture será uma das parcerias mais importantes no setor de aviação comercial e John Slattery é a pessoa certa para a liderar”, referiu Greg Smith, diretor financeiro da Boeing e vice-presidente executivo de Performance e Estratégia Empresarial. “Ele traz um tremendo foco no cliente, profundo conhecimento da indústria, e combinado com uma paixão pela inovação e visão para o futuro da indústria de aviação comercial do Brasil.”

John Slattery ingressou na Embraer em 2011 como vice-presidente sénior responsável pelo financiamento de clientes, gestão de ativos e riscos. John Slattery foi nomeado presidente e diretor executivo da Embraer Commercial Aviation e vice-presidente executivo da Embraer SA em 2016. Antes da Embraer, passou 15 anos em cargos executivos em organizações de consultoria, leasing e bancos comerciais de aviação comercial.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!