Capsula reutilizável Starliner da Boeing já está pronta para voo de teste

Capsula CST-100 Starliner da Boeing já está colocada no foguetão Atlas V da United Launch Alliance para o primeiro lançamento, a 17 de dezembro, que levará carga para a Estação Espacial Internacional.

0
Capsula reutilizável Starliner da Boeing já está pronta para voo de teste
Capsula reutilizável Starliner da Boeing já está pronta para voo de teste. Foto: Boeing e United Launch Alliance

A nova capsula CST-100 Starliner da Boeing já está conectada ao foguetão Atlas V da United Launch Alliance (ULA) que vai lançar a nave espacial no seu primeiro teste de voo para a Estação Espacial Internacional. A decolagem está prevista para dia 17 de dezembro a partir da Estação da Força Aérea do Cabo Canaveral.

A capsula Starliner foi acoplada aEstaçãoo andar superior do foguetão na Instalação de Integração Vertical da ULA depois de ser transportada das instalações da Boeing no Centro Espacial Kennedy da NASA. Em 15 de dezembro, dois dias antes do lançamento, a Starliner e o Atlas V vão ser movidos para a plataforma de lançamento.

John Mulholland, vice-presidente da Boeing Starliner, referiu: “A nossa equipa concluiu com sucesso o transporte e o acoplamento de dois veículos incríveis”, e acrescentou: “A segurança e o sucesso da missão resumem-se em garantir a integridade de todas as etapas ao longo do caminho. Eu não poderia ter mais orgulho da equipe Starliner e da dedicação apresentada para chegar até aqui hoje”.

Em conjunto a Starliner e o Atlas V têm 52 metros de altura. O foguetão gera cerca de 1,6 milhões de libras de impulso no lançamento. O Atlas V, construído no Alabama, já completou 80 lançamentos bem-sucedidos desde 2002.

O primeiro voo da Starliner para a Estação Espacial Internacional, que a Boeing também construiu e sustentado para a NASA, transportará apenas carga para sua estadia de alguns dias no cais da estação. O segundo teste de voo, que vai usar uma nave espacial diferente, vai levar o astronauta da Boeing, Chris Ferguson, juntamente com os astronautas da NASA, Mike Fincke e Nicole Mann, para a Estação Espacial Internacional para uma missão mais longa.

A cápsula reutilizável Starliner está a ser desenvolvida em colaboração com o Programa de Tripulação Comercial da NASA, que voltará a dar aos EUA a capacidade de colocar pessoas em órbita baixa da Terra a partir de solo americano, pela primeira vez, desde 2011.

O projeto da nave espacial comercial CST-100 Starliner tem como objetivo a exploração espacial segura e garantida e o acesso comercial ao espaço.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!