David Megre: resistir para chegar a Lima

David Megre está na 36 posição da geral no Dakar, depois de um dia em que a dureza do piso e a falta de descanso do dia anterior não ajudou. O piloto de Coruche considera que o objetivo é continuar a fazer o melhor e chegar a Lima.

0
David Megre: resistir para chegar a Lima
David Megre: resistir para chegar a Lima. Foto: DR

Após uma primeira semana no Dakar 2019 a correr dentro do previsto, a segunda semana não tem sido de festa para o piloto David Megre, e a luta tem mais sido pela “sobrevivência”. O ex-campeão europeu de Bajas atrasou-se bastante ontem quando ficou junto do indiano Santosh até este ser assistido e por arrasto acabou por chegar tarde ao “acampamento”.

A diminuição do número de horas de descanso, uma condição essencial no Dakar, levou o piloto de Coruche acabou por ter implicações no dia de hoje, em que se ressentiu nos 331 quilómetros de especial com muita areia, dunas e dificuldades que o levaram a entrar mesmo em modo “sobrevivência”.

David Megre explicou: “Ontem o dia até me correu bem, mas o tempo que fiquei parado junto ao Santosh – algo que farei sempre que necessário a ajudar outro piloto – fez com que ficasse muito para trás na pista e dessa forma a minha hora de chegada ao final fosse mais adiantada face ao normal nos restantes dias. Hoje encontrei uma especial muito massacrada e com piso em mau estado em cerca de 200 quilómetros. Já tínhamos passado por aí anteriormente e claro que ficou tudo destruído. Acabei por me ressentir fisicamente e entrei em modo ‘sobrevivência’ sem cometer qualquer exagero e a pensar em levar a minha moto até ao final deste Dakar. Neste momento é esse o meu pensamento pois este Dakar está a ser muito duro, mesmo se curto.”

Para além de David Megre toda a caravana sentiu novamente as dificuldades do piso peruano, mesmo os pilotos da frente que continuam a lutar de forma intensa pela vitória. David Megre prepara agora a oitava etapa, a realizar amanhã e que irá ligar San Juan de Marcona a Pisco com 361 quilómetros de especial e 574 de ligação no que será mais um dia bem duro para os sobreviventes desde 41º Dakar.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!