Eastar Jet da Coreia do Sul recebe o primeiro avião Boeing 737 MAX

Companhia aérea Eastar Jet torna-se a primeira companhia aérea na península coreana equipada com um avião Boeing 737 de longo curso e de baixo consumo de combustível. A Eastar Jet está a modernizar a frota e expandir a rede onde opera.

0
Eastar Jet da Coreia do Sul recebe o primeiro avião Boeing 737 MAX
Eastar Jet da Coreia do Sul recebe o primeiro avião Boeing 737 MAX. Foto: Boeing

A Boeing entregou ontem, 19 de dezembro, o primeiro 737 MAX à companhia aérea Eastar Jet, e assim, tornou-se a primeira companhia da Coreia do Sul a operar a versão mais económica e de longo curso dos aviões da Boeing.

Jong-Gu Choi, presidente da Eastar Jet referiu: “Estamos entusiasmados com a entrega deste novo avião 737 MAX”, e acrescentou: “A introdução do 737 MAX na nossa frota reflete os esforços que estamos a fazer para modernizar a nossa oferta de produtos e fornecer uma experiência de classe mundial aos nossos clientes.”

O presidente da Eastar Jet concluiu que o novo avião 737 MAX, ao possuir uma maior economia e uma maior capacidade de curso, vai permitir expandir os voos a novos mercados e aos existentes maior eficiência, o que vai ajudar a crescer a companhia a longo prazo.

A Boeing indicou que a Eastar Jet irá receber outro avião 737 MAX 8 no final de dezembro, que se vai juntar à frota existente de 737 da Next-Generation.

O modelo MAX incorpora a mais recente tecnologia de motores CFM International LEAP-1B, winglets de tecnologia avançada e outros melhoramentos de estrutura que melhoraram o desempenho e reduzem os custos operacionais. Na configuração da Eastar Jet, o MAX 8 tem capacidade para voar mais de 3.100 milhas náuticas, ou seja 5.740 quilómetros, ao mesmo tempo em que proporciona 14% de mais eficiência de combustível.

“A Eastar Jet alcançou um crescimento impressionante com o Boeing 737. Agora com o novo 737 MAX, a companhia aérea pode elevar o seu desempenho a um novo patamar. A companhia pode voar a maiores distâncias, reduzir os custos operacionais e proporcionar uma melhor experiência aos seus passageiros clientes”, referiu Ihssane Mounir, vice-presidente sénior de Vendas Comerciais e Marketing da Companhia Boeing.

Ihssane Mounir acrescentou: “Estamos orgulhosos da nossa parceria com a Eastar Jet e estamos entusiasmados em ver a companhia voar com o MAX para competir num dos mercados de aviação mais dinâmicos do mundo”.

Para além de estar a modernizar a frota, a Eastar Jet vai utilizar a Boeing Global Services para melhorar as suas operações. Estes serviços incluem o Maintenance Performance Toolbox, que oferece acesso a informação, em tempo real, aos técnicos para resolverem rapidamente eventuais problemas de manutenção das novas aeronaves e manter as companhias aéreas operacionais.

A companhia Eastar Jet está sediada no Aeroporto Internacional Gimpo / Incheon, em Seul, Coreia, e iniciou as suas operações em 2007 com os 737 da Next-Generation. Desde então, o mercado das transportadoras de baixo custo da Coreia cresceu significativamente e tornou-se o maior mercado de companhias aéreas de baixo custo do nordeste da Ásia. Nos últimos cinco anos, o segmento de mercado cresceu mais de 30% ao ano.

Com base no crescimento do mercado a introdução do Boeing 737 MAX 8 vai permitir à Eastar Jet expandir-se para novos mercados, como Singapura e Kuala Lumpur, entre outros destinos.

A família dos Boeing 737 MAX é a que mais vende na história da Boeing, acumulando mais de 4.800 pedidos de mais de 100 clientes em todo o mundo.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!