Governo vai investir 18M€ na formação de professores

Cerca de 35 mil professores vão receber formação num sistema de parcerias com instituições de Ensino Superior, Sociedades e Peritos. O reforço de Investimento atinge quase os 18 milhões de euros.

0
1
Partilhas
Educação
Educação. Foto: DR

A formação de professores e outros agentes de educação vai ser reforçada com um valor global de 17,9 milhões de euros pelo Ministério da Educação (ME) e pelo Programa Operacional de Capital Humano (POCH), indicou o ME.

O ME referiu que o investimento permite concretizar os “planos de ação estratégica apresentados pelas escolas no âmbito do Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar”. Um programa que “congrega um conjunto alargado de medidas, desde o pré-escolar ao trabalho sobre o currículo, assumindo que a formação contínua dos docentes é também um preditor de sucesso escolar”.

As candidaturas ao investimento são feitas “pelos Centros de Formação de Associação de Escolas (CFAE) e a formação de âmbito transversal será promovida pela Direção-Geral da Educação”. O número de professores abrangidos pela formação deverá ser de 35.000 a nível nacional.

O ME indicou que vão ser financiadas as ações de formação que cumpram “critérios de qualidade e impacto”, e para isso “a formação deverá ser assegurada através de parcerias com Instituições de Ensino Superior, Sociedades e Peritos” e que será privilegiada a formação na “modalidade oficina, com experimentação em sala de aula”.

As áreas de formação incluem “Metodologias ativas de ensino-aprendizagem em contexto de sala de aula, Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar, Bibliotecas Escolares em trabalho conjunto com o Diretor de Turma, Gestão flexível do currículo e interdisciplinaridade, Aprender e ensinar com TIC, Educação inclusiva e gestão da diversidade, Inovação e desenvolvimento curricular, Educação para a cidadania e Formação de psicólogos”.

“Na Região do Algarve a formação será apoiada pelo ‘Programa Regional CRESC Algarve’”, e o ME esclareceu que está prevista, “para breve, a publicação do respetivo Aviso com uma dotação acrescida de 1,8 milhões de euros”.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz