Hotel Turismo da Guarda integra Revive

Hotel Turismo da Guarda vai ser recuperado depois de ter sido adquirido, em 2010, pelo Turismo de Portugal. O governo decidiu integrar o imóvel no programa Revive e prepara concurso público para ser lançado ainda durante o primeiro semestre de 2017.

0
1
Partilhas
Hotel Turismo da Guarda
Hotel Turismo da Guarda. Foto: CC

O antigo Hotel Turismo da Guarda é o mais recente imóvel a ser incluído no programa Revive, estando já a ser preparado o concurso público que será lançado durante o primeiro semestre de 2017, indicou o Ministério da Economia.

O Hotel foi projetado em 1936 pelo arquiteto Vasco Regaleira, e tornou-se num dos edifícios mais emblemáticos da cidade da Guarda, tendo sido a primeiro hotel da cidade.

Em 2010 o Turismo de Portugal comprou o edifício à Câmara Municipal da Guarda para um projeto de requalificação turística. O projeto foi abandonado em 2012 ficando o imóvel devoluto.

Em 2015 foram lançados dois procedimentos destinados à venda do Hotel, em condições que não atraíram interessados. Agora o Governo decidiu dar um novo uso a este imóvel integrando-o no Revive e assim torna-lo num ativo económico, capaz de gerar riqueza e emprego, e que, ao mesmo tempo, valorize a atratividade turística da região.

O Hotel Turismo da Guarda vai ter uma componente de qualificação dos recursos humanos, uma vez que incluirá uma componente de formação prática, em estágios, para alunos de cursos de turismo de instituições de ensino superior da região.

A promoção da formação em contexto real de trabalho é uma solução que também está contemplada para a Quinta do Paço de Valverde, em Évora, que é outro dos imóveis integrados do programa Revive.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz