Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil com segurança reforçada

Presidente e vice-presidente do Brasil tomam posse no dia 1 de janeiro de 2019. No mesmo dia Jair Bolsonaro dá posse aos ministros do seu Governo. São esperados em Brasília diversos Chefes de Estado estrangeiros.

0
Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil com segurança reforçada
Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil com segurança reforçada. Foto: DR

Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil e Hamilton Mourão como vice-presidente, no dia 1 de janeiro de 2019, sob fortes medidas de segurança. Várias delegações estrangeiras vão estar presentes, em Brasilia, incluindo diversos Chefes de Estado, e de Governo, vice-presidentes, e diversos ministros de negócios estrangeiros, dirigentes de organizações internacionais e diplomatas.

Entre os Chefes de Estado presentes está o Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, e na Esplanada dos Ministérios são esperadas cerca de 500 mil pessoas.

A cerimónia de posse pode ser acompanhada ao longo da Esplanada dos Ministérios e na Praça dos Três Poderes, para isso a Esplanada é interdita a veículos desde as 00h00 de 30 de dezembro e até 08h00 de 2 de janeiro de 2019. As pessoas podem aceder à Esplanada através de entradas especificas onde são revistadas, indicou o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), através de comunicado.

O GSI indicou que não são permitidos diversos objetos, “como: garrafas, guarda-chuvas, foguetes “very-light”, apontadores laser, animais, bolsas e mochilas, sprays, máscaras, produtos inflamáveis, armas de fogo, objetos cortantes, drones e carrinhos de bebé.

Para o responsável do GSI “a revista é vantajosa para todos. Uma pessoa ser revistada é a segurança de que nós podemos trazer para cá nossas famílias. É muito simples. Nenhum de nós aceitaria embarcar em uma aeronave se ninguém fosse revistado hoje em dia. É um procedimento simples. Nós já tivemos momentos, como os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, com muito mais restrições, e isso não atrapalhou a festa”.

O GSI indicou, também, que o espaço do público conta com pontos de fornecimento de água, postos médicos e telas para acompanhar as imagens da cerimónia.

De acordo com a última informação a cerimónia desenvolve-se seguindo os percursos:

Catedral – Congresso Nacional: Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão, respetivamente presidente e vice-presidente eleitos, partem da Catedral de Brasília em direção ao Congresso Nacional onde decorre a sessão solene de posse. Jair Bolsonaro faz o juramento, assina o livro de posse, e faz o seu primeiro discurso como Presidente. Nesta deslocação são escoltados por 110 Dragões da Independência.

Congresso Nacional – Palácio do Planalto: No Palácio do Planalto, sede do Executivo Federal, Michel Temer passa a faixa presidencial a Jair Bolsonaro, que fará um pronunciamento à Nação. Já como chefe do Poder Executivo Jair Bolsonaro dá posse aos ministros do seu Governo, a que se segue um momento para a foto oficial.

Palácio do Planalto – Palácio Itamaraty: Mais tarde, o novo Presidente dá uma receção no Palácio Itamaraty às diversas delegações estrangeiras e altas autoridades da República Federativa do Brasil.

Medidas de segurança

1. O único acesso à Esplanada dos Ministérios é realizado pela Rodoviária do Plano Piloto;

2. Há revista ao público pelas Forças de Segurança em 4 pontos sucessivos;

3. A população presente tem apoio em cuidados de saúde, pontos de distribuição de água, sanitários públicos e uma tela na Praça dos Três Poderes para poder assistir em tempo real às cerimónias;

4. As pessoas podem transportar alimentos, mas em sacos de plástico transparente para facilitar a revista;

5. A população deve ter em conta as restrições à entrada de um conjunto de objetos.

Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil com segurança reforçada
Jair Bolsonaro toma posse como Presidente do Brasil com segurança reforçada
Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!