Medidas contra propagação do novo coronavírus podem salvar milhões

Prevenção é chave eficaz para ajudar a reduzir a propagação do novo coronavírus. Epidemiologista da Harvard TH Chan School of Public Health aponta que 20% a 60% da população adulta do mundo possa ser infetada pelo novo coronavírus, e dessa morrer 1%.

0
Medidas contra a propagação do novo coronavírus podem salvar milhões
Medidas contra a propagação do novo coronavírus podem salvar milhões. Foto: © Rosa Pinto

São várias as recomendações e medidas a adotar para contrariar a propagação do novo coronavírus (SARS-CoV-2) e a correspondente doença COVID-19, numa altura em que a Organização Mundial de Saúde já a considerou ter atingido o nível de pandemia.

Uma medida como a “lavagem frequente das mãos com sabão e água quente durante 20 segundos” está “comprovada que reduzir a transmissão de doenças”, referiu Marc Lipsitch, professor de epidemiologia e diretor do Centro de Dinâmica de Doenças Transmissíveis da Harvard TH Chan School of Public Health.

Há muitas outras medidas com comprovada eficácia na prevenção/ação largamente divulgadas e que foram importantes no sucesso verificado até agora na China.

As medidas a adotar em face da atual situação parece terem de deitar de ser simples atos voluntários mas assumirem a obrigação de responsabilidade de cada uma das pessoas em face das projeções de Marc Lipsitch que apontam para que “20% a 60% da população adulta do mundo possa ser infetada pelo novo coronavírus e, dessa, 1% pode morrer de COVID-19”.

De acordo com os atuais dados das projeções “morrerão milhões de pessoas” e acrescentou que considera que agora é quase inevitável que haja uma transmissão global e tenha um grande impacto em todo o mundo.

Já não há qualquer dúvida que devem ser seguidas com máximo rigor as várias orientações das autoridades de saúde, nacionais e internacionais. Mas há outras simples que devem ser tomadas individualmente medidas como sejam:

Lavar com sabão e ou desinfetar as mãos frequentemente;

Lavar a cara e o cabelo com sabão sempre que chegue a casa;

Limpar e desinfetar frequentemente as casas de banho públicas e privadas, como sejam as dos estabelecimentos de restauração e outros lugares públicos e privados;

Antes e depois de usar equipamentos devem ser limpos e desinfetados, ou usar luvas descartáveis para a manipulação dos seguintes meios:

Maçanetas das portas, botões de ascensores, corrimãos, garras das portas dos veículos;

Ratos, teclados e ecrãs de computador e tampos das secretárias;

Telemóveis, comandos móveis de equipamentos;

Manípulos de trotinetes, bicicletas, e de outros veículos bem como volantes;

Nos transportes públicos, dada uma possível proximidade com outros passageiros, use mascara e nunca leve as mãos à cara, se possível use toalhetes com produtos desinfetante para limpar as mãos antes de entrar e depois de sair do veículo;

Nos supermercados, use luvas descartáveis sempre que usa um carrinho de compras;

Evite pegar em notas e moedas, sempre que possível pague as compras com cartão digital.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!