Novo teste à COVID-19 da Unilabs identifica variante Delta

Variante Delta da COVID-19, que é mais infeciosa, está a tornar-se dominante em Portugal e na Europa. A Unilabs lança um teste PCR capaz de identificar fiavelmente a variante Delta e assim poder apoiar as autoridades de saúde na resposta à pandemia.

0
Novo teste à COVID-19 da Unilabs identifica variante Delta
Novo teste à COVID-19 da Unilabs identifica variante Delta. Foto: © Rosa Pinto

A Unilabs lança um novo teste PCR que consegue identificar especificamente a nova variante Delta (indiana) da COVID-19, que é mais infeciosa. A empresa de diagnósticos indica que está a trabalhar com as autoridades para otimizar as medidas de saúde pública para combater a pandemia.

“A variante Delta está a espalhar-se rapidamente e, muito em breve, será a variante dominante da COVID-19 em várias partes da Europa. Neste sentido, as nossas equipas desenvolveram um teste capaz de identificar de forma fiável esta variante”, revela Timóteo Guimarães, responsável pela unidade ‘COVID-19’ da Unilabs.

Timóteo Guimarães acrescenta: “Estamos a utilizar as mesmas técnicas que criámos para detetar a variante de Kent e esperamos também detetar rapidamente quaisquer futuras variantes.”

Em países como Portugal, França, Suíça, Suécia, Espanha, Reino Unido e os Emirados Árabes Unidos, os dados recolhidos pela Unilabs na realização de testes estão a ser utilizados para detetar a propagação da variante delta e identificar novas variantes, e desta forma ajudar as autoridades de saúde a implementar medidas que possam conter o vírus.

É entendimento da Unilabs que uma abordagem baseada na evidência científica resulta em medidas de confinamento mais inteligentes que melhor ajudem a salvar vidas e a minimizar os impactos económicos da pandemia.

Em comunicado a Unilabs indica que disponibiliza testes PCR, considerados o “gold standard” da COVID-19, bem como testes antigénio e testes serológicos. Desde o início da pandemia COVID-19, a Unilabs já realizou mais de 12 milhões de testes COVID-19 em todo o mundo.

A rede de laboratórios e técnicos especialistas da Unilabs em 16 países está a trabalhar com empresas, autoridades de saúde e governos no desenho de estratégias mais eficazes de testagem, e está também a cooperar com companhias áreas para ajudar na testagem de passageiros em voos internacionais.

A Unilabs divulgou que assinou recentemente um acordo para incorporar a sua rede internacional de testagem à COVID-19 na Rede IATA Travel Pass, a app de viagens da Associação Internacional de Transporte Aéreo.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!