Portugal reembolsou mais 2.780 milhões de euros do empréstimo do FMI

Portugal pagou, antecipadamente, mais uma parcela do empréstimo ao Fundo Monetário Internacional (FMI), no valor de 2.780 milhões de euros. Este reembolso tinha o prazo previsto de vencimento entre junho de 2020 e maio 2021.

0
1
Partilhas
Ministério das Finanças, Lisboa
Ministério das Finanças, Lisboa. Foto: Rosa Pinto

O Ministério das Finanças (MF) acaba de indicar ,em comunicado, que ontem, 16 de novembro, Portugal tinha procedido a mais um reembolso antecipado ao FMI, assim, durante 2017 o país já pagou ao Fundo 9.012 milhões de euros, que neste caso á o valor máximo amortizado, em termos anuais, até à presente data.

Com a atual amortização ficam liquidados 76% do empréstimo do FMI, que era de 26.300 milhões de euros. Uma amortização antecipada que irá, de acordo com o MF, continuar a ser executada em 2018.

Atendendo aos encargos com os juros do empréstimo do FMI, que são superiores aos que Portugal tem vindo a conseguir no mercado, “o reembolso antecipado ao FMI contribui decisivamente para a melhoria da sustentabilidade da dívida, reduzindo o custo desta e permitindo, simultaneamente, uma gestão dos pagamentos mais equilibrada e o aumento da maturidade média.”

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz