Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa

Procissão do Corpo de Deus, no dia 31 de maio, às 17h00, a partir do Largo da Sé, vai percorrer a baixa de Lisboa. As celebrações do Corpo de Deus, em Lisboa, são presididas pelo Cardeal-Patriarca D. Manuel Clemente.

0
Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa
Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa. Foto: Rosa Pinto/arquivo

A Solene Procissão do Corpo de Deus decorre no dia 31 de maio, feriado, a partir das 17h00, e vai percorrer várias ruas da baixa da cidade de Lisboa. Com início no Largo da Sé, segue pela Rua das Pedras Negras, Rua da Madalena, Poço do Borratem, entra na Praça Martim Moniz, segue pela Rua da Palma, Rua Dom Duarte, chega à Praça da Figueira, Rua da Prata, Rua da Conceição, Largo da Madalena, Rua de Santo António da Sé e novamente no Largo da Sé, com chegada prevista para as 28h30 onde decorre a tradicional bênção.

Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa
Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa

No mesmo dia de manhã, às 11h30, tem lugar na Sé, a celebração de uma Missa e, pelas 13h00, um momento de Adoração do Santíssimo Sacramento e Sacramento da Reconciliação.

Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa
Procissão do Corpo de Deus, dia 31 de maio, percorre ruas de Lisboa

Corpo de Deus é uma celebração que se baseia em tradições católicas e realiza-se na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, que, por sua vez, acontece no domingo seguinte ao de Pentecostes. A Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo tem origem no século XIII

O cônego Tiago Pantaleão de Troyes, da diocese de Liège, na Bélgica, recebeu o segredo da freira agostiniana Juliana de Mont Cornillon, que teve visões de Cristo demonstrando desejo de que o mistério da Eucaristia fosse celebrado com destaque, e por volta de 1264, já como papa Urbano IV, em Orvieto, terá ocorrido o Milagre de Bolsena, em que um sacerdote celebrante da Santa Missa, no momento de partir a Hóstia, teria visto sair sangue da Hóstia que empapou o pano onde se apoiam o cálice e a patena durante a Missa.

O papa Urbano IV terá determinado que os objetos cálice, Hóstia, pano fossem levados para Orvieto, em 19 de junho de 1264, em grande procissão, e colocados na Catedral de Santa Prisca. Esta foi a primeira procissão do Corporal Eucarístico de que se tem notícia. A festa do Corpo de Deus (Corpus Christi) foi instituída por Urbano IV com a publicação da bula Transiturus em 8 de setembro de 1264, para ser celebrada na quinta-feira depois da oitava de Pentecostes.

Em Portugal a festa do Corpo de Deus começou a ser celebrada em 1282 por determinação do Rei Dom Dinis. Atualmente a celebração assume maior enfase nas terras do Minho, em Braga, mas também no Porto e em Lisboa.

Veja as imagens em Corpo de Deus levou milhares às ruas da baixa de Lisboa

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!