Projeto português Flaw4Life vence Prémio LIFE da União Europeia

Mercado alternativo para os frutos e produtos hortícolas não vendáveis nos pontos de venda habituais vence prémio LIFE da União Europeia na categoria ambiente. O projeto português Flaw4Life também venceu o Prémio LIFE do público.

0
Projeto português Flaw4Life vence Prémio LIFE da União Europeia
Projeto português Flaw4Life vence Prémio LIFE da União Europeia. Foto: © Rosa Pinto

No decurso da Semana Verde da União Europeia (UE) foram entregues os Prémios LIFE de 2020. Os prémios do programa LIFE da UE para o ambiente e a ação climática foram atribuídos aos vencedores de três categorias. Na categoria “natureza” o vencedor é um projeto da Eslovénia, na categoria “ambiente” venceu um projeto português e na categoria “ação climática” o vencedor é da Hungria.

Um projeto italiano recebeu ainda um prémio especial que reconheceu o êxito da adaptação à COVID-19 pelo trabalho desenvolvido durante a crise do coronavírus.

Frans Timmermans, vice-presidente executivo do Pacto Ecológico Europeu, afirmou: “Todas estas iniciativas mostram que, com um investimento cuidadoso e muito trabalho, a Europa está preparada para enfrentar os enormes desafios climáticos com que nos deparamos. Estes projetos marcam a fasquia para o Pacto Ecológico Europeu e a transformação da UE numa economia moderna, eficiente em termos de recursos e competitiva.”

O comissário europeu do Ambiente, Oceanos e Pescas, Virginijus Sinkevičius, acrescentou: “Os vencedores e finalistas inspiradores destes prémios LIFE mostram que existem soluções para os desafios planetários da perda de biodiversidade, das alterações climáticas, da escassez de recursos e até mesmo das emergências sanitárias. Os projetos LIFE combinam tecnologia, inovação, conhecimentos especializados, cooperação e muita dedicação para encontrar soluções inteligentes. Estas histórias de sucesso individuais têm de ser reproduzidas em toda a UE -em velocidade e em escala – a fim de ajudar a UE a cumprir os ambiciosos objetivos do seu Pacto Ecológico Europeu.”

Os Prémios LIFE reconhecem os projetos LIFE mais inovadores, inspiradores e eficazes nos domínios da proteção da natureza, do ambiente e da ação climática. Os projetos vencedores foram selecionados entre 15 finalistas pelo seu contributo excecional para o progresso a nível ambiental, económico e social. Obtiveram igualmente boas classificações em termos de impacto, replicabilidade, pertinência política, cooperação transfronteiriça e relação custo-eficácia.

Prémio LIFE “Natureza”

Projeto LIFE DINALP BEAR (Eslovénia): a equipa geriu e monitorizou as populações de urso pardo nos Alpes Dináricos e Alpes Orientais-Sul. Na globalidade, verificou-se uma redução de 43 % dos ataques a ovinos, enquanto o número de ursos afetados pelo tráfico também diminuiu de um quarto. Os conflitos entre seres humanos e ursos também diminuíram, ao passo que as atitudes em relação aos ursos melhoraram nos países parceiros Croácia, Itália, Áustria e Eslovénia.

Prémio LIFE “Ambiente”

Projeto Flaw4Life (Portugal): Os parceiros no projeto criaram um mercado alternativo para os frutos e produtos hortícolas que eram demasiado pequenos, demasiado grandes ou demasiado feios para serem vendidos nos pontos de venda habituais. O seu trabalho reduziu o desperdício alimentar em mais de 2 300 toneladas até à data, um valor comparável à quantidade anual de alimentos desperdiçados por 13 000 pessoas. Este projeto foi também o mais popular entre o público, recebendo o Prémio LIFE do público.

Prémio LIFE “Ação Climática”

Projeto FIRELIFE (Hungria): A equipa formou professores, assistentes sociais, agricultores e peritos em prevenção de incêndios florestais sobre formas de reforçar a prevenção de incêndios florestais em todo o país. Em consequência, o número de incêndios florestais diminuiu cerca de um terço e a superfície danificada diminuiu quase 90 %. Outros países podem seguir a lista de controlo do FIRELIFE para desenvolver os seus próprios sistemas e ferramentas de prevenção de incêndios.

Prémio adaptação à COVID-19

Existe uma clara ligação entre a saúde humana, o ambiente e o clima, e estas interdependências foram objeto de vários projetos LIFE. O prémio especial “adaptação à COVID-19” foi atribuído ao projeto PrepAIR de Itália pelo trabalho quando da crise da COVID-19.

O projeto PrepAIR monitorizou e melhorou a qualidade do ar para 23 milhões de pessoas no Vale do Pó. Quando a pandemia grassava, a equipa ajudou outro projeto italiano a investigar a ligação entre a poluição atmosférica e a propagação da COVID-19, bem como o impacto do confinamento na poluição atmosférica e nos gases com efeito de estufa. As conclusões vão aumentar os conhecimentos sobre a dinâmica complexa que provoca a poluição no vale do Pó. Isto ajudará as autoridades a adotarem melhores estratégias para melhorar a qualidade do ar na região. A equipa LIFE PrepAIR publicou também os seus materiais educativos PrepAIRed! para utilização pelos professores durante o confinamento.

Os restantes finalistas foram:

Categoria “Natureza”

  • LIFE-Aurinia: Reavivar os habitats da borboleta fritilária-dos-lameiros (Alemanha)
  • LIFE for Safe Grid: Proteger a águia imperial dos perigos das linhas elétricas não isoladas (Bulgária)
  • LIFE+SCALLUVIA: Construir uma zona de proteção e recreativa contra as inundações em Kruikeke Bazel Rupelmonde (Bélgica)
  • WOLFLIFE: Manter uma população de lobos próspera nos montes Cárpatos (Roménia)

Categoria “Ambiente”

  • LIFE COGENERATION PL: Gestão da valorização energética dos resíduos urbanos e das lamas de depuração (Polónia)
  • LIFE DEBAG: Mudança de comportamento do consumidor para reduzir a poluição por sacos de plástico no meio marinho (Grécia)
  • LIFESURE: Produção de eco-asfalto em estaleiros de construção de estradas (Espanha)
  • WISER LIFE: Reduzir e reutilizar os resíduos dos aterros criando postos de trabalho «verdes» (Irlanda)

Categoria “Ação Climática”

  • LIFE Carbon Dairy: Produção de leite com menos emissões (França)
  • LIFE HEROTILE: Telhas de elevada permeabilidade ao ar e melhor desempenho energético (Itália, França, Alemanha)
  • LIFEPeatLandUse: Serviços de avaliação de ecossistemas para ajudar os legisladores a tomar decisões corretas em matéria de ordenamento do território (Finlândia)
  • LIFE RE Mida: Tratamento de gases de aterro para reduzir as emissões (Itália)
Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!