Tecnologia de saúde com origem no Fraunhofer Portugal chega ao mercado

Tecnologia desenvolvida no centro de investigação Fraunhofer Portugal AICOS, no Porto, deu origem ao dispositivo GoLiveClip, que melhora a saúde e a segurança do utilizador. O dispositivo foi produzido em parceria com a holandesa Gociety Solutions.

0
1
Partilhas
Dispositivo GoLiveClip com origem no Fraunhofer Portugal AICOS, no Porto
Dispositivo GoLiveClip com origem no Fraunhofer Portugal AICOS, no Porto. Imagem: DR

O centro de investigação Fraunhofer Portugal AICOS, no Porto, em parceria com a empresa holandesa Gociety Solutions, desenvolveu um dispositivo para melhorar a saúde e a segurança do utilizador, o GoLiveClip.

A tecnologia ‘made in’ Portugal foi posta à venda esta semana na Holanda, e pode estar a caminho de vários países através da Gociety Solutions, indicou a Fraunhofer Portugal AICOS.

O aumento da expetativa de vida dos portugueses leva a que cada vez mais estejam presentes as novas tecnologias como ferramentas para melhorar a qualidade de vida dos idosos. Uma área de desenvolvimento a que a Fraunhofer Portugal AICOS se tem vindo dedicar, em especial “na criação de soluções de investigação aplicada no âmbito do Ambient Assisted Living (AAL).”

Um dos produtos dentro do AAL, o GoLiveClip “chegou esta semana ao mercado”. O dispositivo “permite ao utilizador alertar contactos de emergência através de um botão de alerta, regista a atividade física diária, e consegue detetar e até avaliar o risco de quedas.”

O dispositivo wearable está ligado à app GoLivePhone, que já está disponível no Google Play, e é compatível com smartphones com Bluetooth e Android 5.1, ou mais recente. De entre várias funcionalidades destaca-se a possibilidade de executar chamadas para contactos de emergência, alertas para a toma de medicamentos, e localização GPS.

A Fraunhofer Portugal AICOS lembrou que a tecnologia que serviu de base ao GoLiveClip foi desenvolvida no seu centro de investigação no Porto. Do desenvolvimento no Porto consta o “Smart Companion, uma aplicação Android desenhada especificamente para colmatar as necessidades da população sénior, e os Pandlets, sensores de movimento para dispositivos sem fios, que permitem a monitorização da atividade física, a deteção de quedas, e localização por GPS.”

Para o Fraunhofer Portugal AICOS o lançamento do GoLiveClip no mercado reforça o papel que possui como “parceiro da indústria, capaz de levar a cabo investigação aplicada com utilidade direta para os seus parceiros e clientes, e contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos seus utilizadores finais.”

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz